Homem mais velho de Santa Fé do Sul morre aos 108 anos

Faleceu nesta madrugada, dia 14, por volta das 3:00 horas, no Lar São Vicente de Paula, em Santa Fé, Joaquim Jorge, aos 108 anos,
Segundo a direção do lar, durante a ronda noturna dos funcionários, o idoso foi encontrado morto em seu quarto. Há alguns dias ele ficou internado para tratamento médico e se encontrava muito debilitado.
Seo Joaquim, como era conhecido, era um dos idosos mais velhos da região Noroeste Paulista.

 

Ele completou 108 anos em fevereiro deste ano, e, naquela data, assim como em anos anteriores, a reportagem de O Jornal o entrevistou e registrou as festas de aniversário que eram oferecidas pelo lar em sua homenagem.
Leia abaixo a última entrevista de Seo Joaquim Jorge, publicada em fevereiro deste ano:

Seo Joaquim, como muitos o conhecem, aparentemente não envelhece. Órfão aos 12 anos de idade nasceu em Montes Claros-MG, e logo passou a viver só e a trabalhar em lavouras. Depois de alguns anos, veio para o Estado de São Paulo, e residiu em Penápolis, onde trabalhou como servente na construção da hidrelétrica de Salto de Avanhandava, no Rio Tietê, que hoje está submersa.
Após esse período, voltou a ser lavrador em fazendas da região, mas também trabalhou nos estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.
Seo Joaquim Jorge sempre gostou de passear por Santa Fé, parando pelo caminho para conversar com velhos conhecidos; porém, isso tem se tornado mais difícil a cada semana. “Estou muito cansado, trabalhei demais na vida. Ainda me levando às três ou quatro da madrugada, e, quando posso, vou para a praça passear”, afirmou ele.
Disse ainda que gosta muito de assistir TV ou caminhar. “Também gosto muito de ouvir meus CDs de músicas caipiras, sentado embaixo de uma árvore. Acho que hoje as coisas são muito difíceis, principalmente a vida a dois, já que tudo é muito caro, e, por isso, por não poder comprar as coisas, há muitas brigas. Quando caminho pelas ruas, tem sempre alguém que passa a minha frente, mas o que quero ver são as pessoas chegarem na minha idade”, brincou ele.
Ele era aposentado há 37 anos, tem dez filhos, tendo o caçula nascido quando ele tinha 86 anos. Seo Joaquim possuía muitos amigos no Lar e na cidade, e tem ainda parentes distantes em Santa Fé.
Seu velório já está sendo realizado no Velório Municipal, e seu corpo foi enterrado hoje, às 14:00 horas, no Cemitério São João Batista I.
O Jornal

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password