Hidrelétrica desliga turbinas e economia de cidade está ameaçada

ILHA SOLTEIRA – O nível do reservatório de Ilha Solteira levou a Companhia Energética do Estado de São Paulo (CESP) a desligar três turbinas da usina.

Com isso, a geração de energia, que já vinha reduzida, é reduzida ainda mais, o que preocupa a Prefeitura, que teme queda na arrecadação da cidade.

Antes de desligar as três turbinas, a CESP, atendendo recomendação do Operador Nacional do Sistema (ONS), já havia diminuído a capacidade de geração de energia da usina.

O reservatório da usina de Ilha Solteira, a maior usina hidrelétrica do Estado de São Paulo, já está em mais de 50% negativo.

A profundidade, 7 metros, a mais baixa da história, já está três metros abaixo do volume mínimo necessário para que a água passe pelas turbinas e gere energia.

Mesmo com a diminuição da produção de energia na usina, a ONS afirma que não haverá prejuízo no abastecimento de eletricidade, pois o sistema elétrico no país é interligado e outras regiões acabam suprindo a demanda.

(Douglas Cossi Fagundes – Ilhadenoticias)

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password