Moradores fazem protestos em frente da cadeia pública e pedem a liberdade de preso

Na tarde do último sábado e ontem, um grupo de aproximadamente 20 pessoas realizou manifestações em frente à cadeia pública de Votuporanga.

Eles exigiam a liberação do A.B, acusado de estar envolvido no duplo homicídio que vitimou Cleber Henrique de Jesus, 30 anos, e sua filha Milena Barbosa de Jesus, 13 anos, no dia 20 de novembro, no bairro Jardim das Palmeiras I.

De acordo com Cleiton, irmão do suspeito, A.B é acusado injustamente. “No dia que aconteceu o crime, eu e meu irmão estávamos dentro de casa, ele, falando com a namorada. De repente, vimos a movimentação e somente aí ficamos sabendo o que aconteceu. Mas nem fomos para o local do crime, preferimos continuar em casa”.
Cleiton também diz que tanto ele quanto seu irmão eram amigos da vítima. “Nós conhecíamos o Cleber, ficamos sentidos quando ficamos sabendo da morte. Ele era muito ‘gente boa’”, afirma.
“Se meu irmão não fosse inocente, vocês acham mesmo que estaríamos aqui, fazendo esta manifestação?  Ele foi preso injustamente, por isso que estamos aqui tentando provar que é inocente”, concluiu o Cleiton.

O crime
No dia 20 de novembro, por volta das 20h15, Cleber Henrique de Jesus, 30 anos, estava no interior de um bar, localizado na rua Miguel Andreo, junto à sua filha. Eles  foram mortos. Dois homens, em uma motocicleta preta, pararam em frente ao estabelecimento e  efetuaram uma série de disparos

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password