Grêmio vence com dois gols de Barcos e complica Botafogo no Maracanã

Com dois gols de Barcos, no segundo tempo, o Grêmio derrotou o Botafogo por 2 a 0, em partida disputada na tarde deste domingo, no Maracanã. O resultado fez a equipe gaúcha chegar aos 43 pontos ganhos, na quinta posição. Já o Botafogo segue em situação delicada no Campeonato Brasileiro. O Alvinegro de General Severiano segue com 26 pontos ganhos, na 16ª posição.

Foi uma vitória merecida da equipe dirigida por Luiz Felipe Scolari que completou seu oitavo jogo sem derrota e sem levar gols na competição, ampliando a invencibilidade do goleiro Marcelo Grohe. O Grêmio criou as melhores chances e só não alcançou um resultado mais expressivo por causa da boa atuação do goleiro Jéfferson. O Botafogo fez um péssimo primeiro tempo e sofreu o segundo gol quando tentava buscar a reação na etapa final.

Na próxima rodada,o Botafogo vai enfrentar o Vitória,no Barradão. O Grêmio vai receber o São Paulo, na Arena Olímpico.

O jogo – Os dois times começaram a partida muito preocupados com a marcação. Os jogadores se concentravam no meio campo, com pouca movimentação por parte dos atacantes. O que ficou demonstrado logo aos dois minutos, quando o atacante Barcos recebeu na entrada da área, foi cercado por cinco adversários e nenhum companheiro se aproximou para ajudar o argentino, que acabou desarmado.

O Botafogo era mais agressivo e, aos sete minutos, o volante Aírton arrancou da intermediária e foi derrubado na entrada da área. Falta que Zeballos bateu para fácil defesa de Marcelo Grohe. O primeiro grande momento de emoção foi criado pelo Grêmio,aos dez minutos. Após cobrança de escanteio, Rhodolfo lançou Barcos inteiramente livre na pequena área.O atacante girou e chutou rasteiro,mas Jéfferson defendeu com o pé, evitando o primeiro gol da equipe gaúcha.

Assustado, o time de General Severiano só voltou a se aproximar da área gremista aos 15 minutos, em cruzamento de Rogério que fez Marcelo Grohe se esticar para defesas. Um minuto depois, Ramiro recebeu livre na área alvinegra, adiantou a bola ao tentar amortece-la no peito e Jéfferson saiu com precisão para evitar a conclusão.

A equipe dirigida por Luiz Felipe Scolari mostrava mais objetividade.Aos 22 minutos foi a vez de Luan chutar forte e exigir outra boa defesa de Jéfferson. O Botafogo se defendia com quase nove jogadores e tentava sair em lançamentos em velocidade para os atacantes. Aos 26 minutos, Zeballos rolou a bola para Emerson que tentou colocar no canto,mas o goleiro Marcelo Grohe saltou e fez boa defesa.

O Grêmio ficava mais tempo com a posse de bola. Luan e Dudu atuavam abertos pelas laterais, enquanto Barcos continuava isolado entre os zagueiros Bolívar e André Bahia. Aos 34 minutos, Ramiro enfiou para Zé Roberto que foi desarmado por Ramírez quando já tinha se livrado do goleiro Jéfferson. Logo depois foi a vez de Dudu invadir pelo meio e chutar para defesa de Jéfferson,enquanto Barcos esperava,livre, o passe do outro lado.

Aos 43 minutos,novamente Jéfferson salvou o Botafogo. O goleiro alvinegro saiu do gol e dividiu com Ramiro que recebeu ótimo lançamento de Luan. Ao final do primeiro tempo,o time do Botafogo saiu vaiado de campo.

O Botafogo voltou com Wallyson na vaga do paraguaio Zeballos. E logo no primeiro minuto, causou pânico na defesa gremista. Ramírez,de letra,deu grande passe para Emerson que bateu de voleio, mas Marcelo Grohe fez grande defesa,espalmando para o lado e permitindo que a zaga aliviasse o perigo.

A resposta tricolor foi fulminante. Aos quatro minutos, Ramirez escorregou no meio campo e a bola sobrou para Luan que enfiou para Zé Roberto nas costas da zaga. O lateral teve calma para perceber a entrada de Barcos e rolar para o argentino empurrar para as redes,sem qualquer chance de defesa para Jéfferson.

Logo depois, Ramiro perdeu a chance de ampliar ao ser lançado na área e tentar encobrir Jéfferson,mas apenas tocou a bola nas mãos do goleiro alvinegro. Sem outra alternativa, o time dirigido por Vagner Mancini abandonou a precaução defensiva e partiu para tentar o empate.

Aos 16 minutos, Ramírez recebeu na entrada da área e tentou colocar no canto esquerdo,mas Marcelo Grohe defendeu com segurança. Um vacilo da defesa gaúcha quase permitiu que o Botafogo chegasse ao empate. A bola acabou nos pés de Emerson que recuou para a conclusão equivocada de Rogério.

O técnico alvinegro decidiu mexer outra vez na equipe e colocou o meia Carlos Alberto na vaga do lateral Dankler,deslocando Gabriel para a lateral direita. Felipão respondeu com a entrada do meia argentino Alan Ruiz na vaga do atacante Luan. A partida ficou mais truncada, principalmente porque o Grêmio passou a cometer muitas faltas para impedir que o Botafogo desse velocidade ao jogo.

Em lance de desatenção da defesa do Botafogo, o Grêmio marcou o segundo gol, aos 31 minutos. Depois de rebatida de Gabriel, a bola foi lançada para Barcos,inteiramente livre. O argentino teve tranquilidade para dominar a bola e tocar no canto esquerdo do goleiro Jéfferson, para colocar a bola nas redes.

O Botafogo entregou os pontos e o Grêmio quase marcou o terceiro gol,aos 45 minutos, quando Barcos cabeceou e a bola bateu no travessão

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password