Golpistas são condenadas por roubo e fraude contra idosa

Duas mulheres foram condenadas pela 2ª Vara Criminal de Votuporanga por roubar e fraudar uma idosa em dezembro de 2018. As criminosas, identificadas como D. e I., causaram um prejuízo de R$ 7.243,00 para a vítima.

O crime aconteceu no dia 5 de dezembro de 2018, após a idosa sacar sua aposentadoria no Banco Mercantil. Ao sair do banco, ela foi abordada pelas golpistas na rua Amazonas. Uma delas fingiu ter encontrado a carteira da idosa, que negou ter perdido. Em seguida, a outra golpista apareceu e agradeceu a suposta boa ação.

Apesar da insistência das mulheres em dar uma recompensa, a idosa recusou. As três sentaram-se em um banco na Praça dos Expedicionários, e uma das golpistas deixou sua bolsa com a idosa como garantia enquanto buscava o presente. A outra golpista ficou com a vítima.

Após cerca de 15 minutos, a mulher retornou com uma sacola contendo um par de sapatos e R$ 100 em dinheiro. Ela convenceu a idosa a ir buscar um presente em uma loja e deixar sua bolsa com elas. Ao voltar, a idosa descobriu que a bolsa havia sido roubada.

A bolsa continha documentos pessoais, oito cartões bancários, cartões de crédito de lojas, R$ 1.150 em dinheiro e um celular Samsung Galaxy J7. Antes que a idosa conseguisse cancelar os cartões, as golpistas realizaram dois empréstimos no valor total de R$ 2.793,00 e sacaram R$ 4.100 da conta da vítima.

D. foi presa em Santa Fé do Sul. Já I. negou seu envolvimento no crime e disse estar em Londrina para tratamento médico no dia do fato. No entanto, os registros hospitalares comprovaram que ela estava mentindo sobre seu álibi.

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mimPerdeu sua senha?

Lost Password