Finados: Agentes monitoram e orientam população sobre prevenção à dengue

Objetivo é orientar a proliferação do mosquito Aedes Aegypti; Visitantes devem ficar atentos as dicas de prevenção na tentativa de reduzir os casos de dengue no município

Os agentes de endemias do Secez (Setor de Controle de Endemias e Zoonoses) órgão vinculado à Secretaria Municipal de Saúde realizaram nesta quinta-feira, 30, orientações e distribuição de panfletos informativos no Cemitério Municipal “Petronilo Gonçalves da Silva”. A ação tem por objetivo diminuir os riscos de proliferação do mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue.

Para a educadora em saúde, Ana Carolina Ribeiro é neste período que se verifica um aumento na circulação de pessoas no cemitério. “As pessoas são orientadas a não depositarem objetos que possam acumular água da chuva, como os envólucros plásticos ao redor das flores, copos plásticos e vasos sem areia”, conta a educadora.

Basicamente, os agentes orientaram os visitantes para que retirem os plásticos que envolvem as flores antes que as mesmas sejam depositadas próximas aos túmulos; deram orientações sobre a dengue ressaltando a importância de não deixarem junto aos túmulos vasos ou quaisquer objetos que possam acumular água. “É comum essas orientações na época de Finados, mas a prevenção contra a dengue deve ser permanente e com a colaboração de todos”, destacou Patrícia Amâncio, também educadora em saúde.

Votuporanga registra 3.204 notificações de suspeitas de dengue, dessas, 2.821 são casos positivos. Em 2014, o município registrou dois óbitos pela doença.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password