Festival Literário deve reunir mais de 30 mil pessoas

Mais de 30 mil pessoas são esperadas para os seis dias do Fliv, Festival Literário de Votuporanga, que tem o apoio da TV Tem e começa nesta terça-feira (1º).

Mais de 50 profissionais trabalharam para dar conta de tamanha estrutura. São ao todo 20 tendas e dois palcos, que vão oferecer vários tipos de serviços. “A correria foi grande, trazendo todo o material para deixar a exposição pronta para o público”, afirma o decorador de festas Araguacy Monteiro Nogueira Sá.

O FLIV terá, ao longo dos seis dias, oficinas, mesas de debates, encontros com autores, grupos de danças e shows com Jair Rodrigues e Luciana Melo, no dia 1º, e Ed Mota e a banda Black Rio no dia 4, além de bate-papo com os escritores e de uma exposição sobre poesia concreta sob curadoria do poeta e especialista no assunto, Frederico Barbosa.

O evento tem como patrono o escritor Ignácio de Loyola Brandão. “Ser patrono de uma feira é equivale a uma medalha de ouro. A minha relação com Votuporanga vem desde a infância, quando passava férias na cidade. Um festival literário como este é uma semente, sempre jogada na tentativa de fazer leitores”, diz Loyola Brandão.

O Festival contará com três livrarias (Livraria Premier, Livraria Espaço, Editora Abril), o Bookcafé Livraria e Café, TV TEM (afiliada Rede Globo), Caravana da Leitura, com o escritor Laé de Souza, Loja do FLIV e do Artesanato local e os Espaços de Dança, Atol Cultural e Senac. Haverá também sarau literário e oficinas de dança, modelagem, escultura com papel, pipa e tai chi chuan. No total, os expositores do FLIV irão comercializar 20 mil títulos, dos mais variados gêneros, como romances, contos e poesia.

A organização do FLIV espera que, durante os seis dias, mais de 30 mil pessoas visitem o evento. O Festival tem como parceiros: a Secretaria de Estado da Cultural, Governo do Estado de São Paulo, Abaçai Organização Social de Cultura, Fundação Itaú Social, Clube de Autores, Unifev, Marão Máquinas Agrícolas, Posto Gramadão, Transrápido São Francisco e Fiat Camilla.

Fórum Internacional de Dança

Outra atração do FLIV será o Fórum Internacional de Dança, que terá a participação de grupos dos Estados Unidos, Togo, Bolívia, França e Argentina. A abertura oficial do Fórum acontece no domingo, às 20h, no Centro de Convenções “Jornalista Nelson Camargo”.

Vale-livro

Outra ação importante do FLIV é o vale-livro, que oferecerá, gratuitamente, aos quatro mil alunos do ensino fundamental da Rede Municipal de Ensino, com idade entre 6 e 14 anos, um vale-livro no valor de R$ 10 para que eles possam comprar livros dentro das livrarias montadas no Festival. As crianças participarão ainda de atividades ligadas à literatura, como sessões de contação de histórias e oficinas.

Programação

1º de maio
18h30: Roda de Conversa sobre Poesia Concreta. Autores: Frederico Babrosa, Claudio Daniel e Élson Froes”
19h: Fórum Internacional de Dança. CHANGO EL GRAN PUTA – Vincent Harisdo Togo (África), VITESSE, Cia de Dança (Catanduva), AGUAYOS – Atempo Danza (Bolívia).

2 de maio
19h30: Roda de Converda com o escritor Mario Prata
20h30: Fórum Internacional de Dança, FOR WANT – Bill Young, Colleen Thomas & Dancers (Estados Unidos)

3 de maio
19h30: Roda de Conversa com Ferrez
20h30: Fórum Internacional de Dança. DESASTRADOS, Cie Ladainha e Virtual Companhia de Dança (França e Brasil)

4 de maio
19h30: Roda de Conversa com Marcia Tiburi
20h30: Fórum Internacional de Dança. RAIZES, Cia Juan José Suarez
Mendoza (Argentina)

5 de maio
15h: Fórum Internacional de Dança. VENDE-SE UM PAR DE ASAS com KD Cia de Dança (Potirendaba)
19h30: Roda de Conversa Com Ruth Rocha.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password