Fernandopolenses são presos por pesca ilegal no MT

Durante fiscalização no rio Quitéria no município de Aparecida do Taboado, policiais militares ambientais (PMA) prenderam três pescadores paulistas por pesca predatória.

Os policiais surpreenderam os pescadores na tarde de terça-feira (24).

Segundo a PMA, havia duas embarcações e com os infratores houve apreensão recorde de petrechos proibidos de pesca do tipo redes em uma pescaria. Foram apreendidas em torno de 100 redes (algumas estavam emendadas), medindo 5.300 metros, além de dois barcos, dois motores de popa e 60 kg de pescado.

Os infratores, um de 36 anos, residente em Mira Estrela (SP) e dois de 25 e 55 anos, residentes em Fernandópolis (SP) receberam voz de prisão e foram conduzidos à delegacia de Polícia Civil de Aparecida do Taboado, juntamente com o material apreendido, onde foram autuados em flagrante por crime ambiental de pesca predatória e saíram depois de pagar fiança.

Eles poderão pegar pena de um a três anos de detenção. Cada autuado também foi multado administrativamente em R$ 1.100,00.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password