Felipão tem 7 dúvidas para a lista final da Copa

Terceiro goleiro, dois laterais, um zagueiro, um primeiro volante, um meia e um atacante são as vagas que restam para o grupo

Faltam oito meses para a Copa do Mundo. Porém, apenas cinco jogos para Luiz Felipe Scolari definir os 23 jogadores que vão disputar a competição no Brasil. E ainda restam interrogações na cabeça do treinador. Sete vagas seguem em aberto: um goleiro, dois laterais, um zagueiro, um primeiro volante, um apoiador e um atacante. Tudo será definido após o confronto de março, provavelmente contra a África do Sul, em Joanesburgo.

No gol, a dúvida de Felipão se refere ao terceiro goleiro. Na Copa das Confederações, Diego Cavalieri foi o dono do posto. Para os jogos diante da Coreia do Sul, no sábado, às 8h (de Brasília), em Seul, e diante de Zâmbia, no dia 15, em Pequim, na China, Victor, do Atlético-MG terá o trabalho observado pela comissão técnica da Seleção. No entanto, o arqueiro tricolor leva vantagem na briga. Julio César e Jefferson estão garantidos.
Na defesa, a lateral direita tem uma lacuna. Daniel Alves é o titular de Felipão. Nas Confederações, Jean, que tem atuado como volante no Fluminense, foi o reserva imediato. No entanto, Felipão quer um especialista no setor. Maicon, hoje no Roma, foi chamado e deu conta do recado. Porém, machucado, está fora dos próximos jogos. Rafinha, do Bayern de Munique, deve ser observado na próxima convocação para que uma decisão seja tomada.
Ainda no setor defensivo, a zaga já tem três nomes certos: Thiago Silva, David Luiz e Dante. Uma vaga está em disputa para o torneio no Brasil. Réver, do Atlético-MG, compôs o quarteto na Copa das Confederações, mas não vem sendo chamado. Por conta disso, nomes como Henrique, do Palmeiras, e Dedé, do Cruzeiro, são os cotados para a Copa do Mundo de 2014.
A lateral esquerda também tem uma dúvida. E justamente em quem será o reserva de Marcelo. Filipe Luís ocupou a posto na competição disputada em junho de 2013. Atualmente, Felipão tem chamado Maxwell, do Paris Saint-Germain, e ele tem dado conta do recado. Com boas atuações no PSG e na própria Seleção, o jogador tem conquistado o seu espaço com a comissão técnica.
No meio, o reserva de Luiz Gustavo ainda é incerto. Felipão ainda não escolheu outro primeiro volante. Nas Confederações, Fernando, ex-Grêmio e atualmente no Shakhtar Donetsk, foi o escolhido. Para os dois próximos amistosos, Lucas Leiva, do Liverpool, ganhou a primeira oportunidade com a atual comissão técnica.
A comissão técnica também está à procura de um jogador com as mesmas qualidades de Oscar. Até o momento, o Brasil conta apenas com um jogador para armação das jogadas no meio de campo. No esquema de Felipão, o meia do Chelsea atua mais centralizado na linha de três que fica atrás do centroavante. Ronaldinho Gaúcho, do Atlético-MG, e Kaká, do Milan, poderiam ser opções, mas estão machucados e não renderam sob a batuta do pentacampeão.
Por último, para a Copa do Mundo, a comissão técnica vai convocar seis atletas para o ataque. Nas Confederações, Neymar, Hulk, Bernard, Jô, Fred e Lucas. Porém, duas situações preocupam o técnico Felipão. As lesões de Fred, que nos últimos anos tem sido perseguido por problemas físicos, e o desempenho irregular de Lucas no Paris Saint-Germain e na própria seleção brasileira.
No próximo sábado, às 8h (de Brasília), os “interessados” nas últimas vagas para a Copa terão que suar a camisa. O Brasil vai enfrentar a Coreia do Sul, no World Cup Stadium, em Seul. No dia 15, o adversário será Zâmbia, em Pequim, na China. Os dois confrontos serão transmitidos ao vivo pela TV Globo.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password