Famoso contador de histórias encerra Congresso de Educação

Roberto Carlos Ramos ministrará a palestra Pedagogia do Amor baseada na história de superação que conta sua passagem pela Febem

Ex-interno da Febem e, hoje, famoso mestre em educação, Roberto Carlos Ramos encerra nesta sexta-feira (24/7) o 3º Congresso Internacional de Educação do Noroeste Paulista, em Votuporanga. Às 16h, ele ministra a palestra “Pedagogia do Amor” para mais de 1,1 mil professores que participam do encontro desde a última quarta-feira com atividades no Votuporanga Clube e Cidade Universitária.

Dedicada a pais e educadores, a palestra traz relatos da infância e da educação de Roberto Carlos. O tema “Pedagogia do Amor” aborda vários aspectos da motivação, de como se pode chegar a um resultado educacional favorável estimulando as crianças por meio da educação.

Roberto é pedagogo, mestre em educação, pós-graduado em literatura infantil pela PUC-MG, membro da Associação Internacional dos Contadores de Histórias e Valorizadores da Expressão Oral Mundial, sediada em Marselha (França). Em 2001, foi eleito como um dos dez maiores contadores de histórias da atualidade em Seattle, nos Estados Unidos.

A postura positiva perante a vida do ex-menino de rua, o qualificou como palestrante de renome internacional. O contador de histórias já proferiu palestras em grandes empresas do Brasil e Estados Unidos e já foi entrevistado por Jô Soares.

Roberto Carlos conta que viveu dos 6 aos 13 anos de idade longe da família como interno da Febem. Analfabeto, usou drogas e roubou nas ruas de Belo Horizonte. Teve 132 fugas registradas no seu prontuário e foi considerado “um caso irrecuperável”.

Ao contrário do que acontece com milhões de crianças e adolescentes em situação semelhante, não caiu na marginalidade. Aos 13 anos foi adotado por uma francesa que se negou a acreditar que uma criança como ele pudesse ser um caso perdido.

Marguerit Duvas provou que estava certa. Com ela, Roberto aprendeu a ler e a escrever, a falar francês e, principalmente, a dar e receber afeto. Aprendeu a ter autoestima e autoconfiança. Na França, descobriu a arte de contar histórias. De volta ao Brasil, se formou em Pedagogia e acabou se tornando o que ele mesmo define como o Embaixador do País das Maravilhas. O filme “O contador de histórias” é baseado em sua trajetória.

Organização

O Congresso tem o tema “Habilidades e Competências para a Educação”. É uma iniciativa do Arranjo de Desenvolvimento da Educação do Noroeste Paulista (ADE Noroeste Paulista), do Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia do Estado de São Paulo (IFSP) – Campus Votuporanga, do Centro Universitário de Votuporanga (Unifev) e da Associação dos Municípios da Araraquarense (AMA). Tem o apoio do Ministério da Educação e ainda do Somos Educação, Multimídia Educacional, Foccus Educação e Tecnologia, Soluções Modernas, Wak Editora, British Council, Instituto Ayrton Senna, Senac, Oficina Municipal- Escola de Cidadania e Gestão Pública, Apraeco e Planeta Educação. A programação completa está disponível no site http://www.congressointereduca.com.br/

ADE Noroeste Paulista 

O Arranjo de Desenvolvimento da Educação do Noroeste Paulista é integrado por municípios com características sociais e econômicas semelhantes, dentro de uma determinada região, com o interesse de abordar soluções em grupo, trabalhar em rede,  trocar experiências sobre questões educacionais e fomentar a cooperação entre os municípios para a implementação das ações do PAR (Plano de Ação Articulada), estabelecendo uma colaboração horizontal e intermunicipal, e uma colaboração vertical entre os entes federados, com o propósito de elevar qualitativamente a Educação num território regional, com o apoio das instituições parceiras.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password