Família é presa em flagrante em abatedouro clandestino

Oito meses após ser preso em flagrante com uma tonelada de carne bovina/suína abatida clandestinamente, um homem morador de Cosmorama é flagrado novamente e preso pela prática do mesmo crime.

 

O fato aconteceu na tarde desta terça-feira, à tarde, quando durante diligências, investigadores da Polícia Civil de Cosmorama abordaram um veículo Gol, de cor branca, em atitude suspeita, deixando um sítio rapidamente

Posteriormente, os policiais abriram o porta malas e viram diversos objetos usados em açougue, os quais tinham sido subtraídos na manhã da mesma data. Segundo a Polícia Civil, nesse veículo estavam a filha e o genro de N.S., de 47 anos, vulgo “gordo”.

 

Em seguida, foi constatada toda uma estrutura para abate de animais dentro do imóvel, sendo apreendida grande quantidade de carne imprópria para consumo humano.

 

O delegado titular de Cosmorama, Fabrício Goulart Boschilia, autuou N.S., bem como sua filha e genro, por Furto Qualificado, Crime contra Relações de Consumo e Associação Criminosa. Os presos foram encaminhados para Guarani do Oeste e Nhandeara.

 

Segundo a Polícia Civil daquele município outros indivíduos fazem parte dessa quadrilha e podem ser presos a qualquer momento.

votunews

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password