Ex-motorista de Jarbas deve receber maior pena no Júri Popular

Ronaldo Henrique Motta Barbuglio, ex-motorista de Jarbas Alves Teixeira deverá receber a maior pena no Juri Popular que se estende para o segundo dia. A maioria das acusações apontam para Ronaldo na arquitetação do atentado contra o médico Orlando Cândido Rosa. Ele pode ser condenado entre 12 e 18 anos.

Após o recesso do almoço, advogados de defesa de Ronaldo e do jalesense Rodrigo Marcos Sampaio partem para os argumentos finais. O MP deve pedir a replica nos debates e o resultado final do caso só acontecerá a noite com a sentença do juiz Vinicius Castrequini Buffulin. Região Noroeste

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password