Evento debate proteção a criança e adolescente no Centro de Convenções

Seminário conta com aproximadamente 300 pessoas e visa discutir as formas de incentivo ao fortalecimento de vínculos familiares

Para fortalecer as ações em combate à violência e exploração sexual de crianças e adolescentes, a Secretaria Municipal de Assistência Social da Prefeitura de Votuporanga realiza nesta quarta-feira, 14 de maio, o Seminário de Proteção à Criança e Adolescente no Centro de Convenções Jornalista Nelson Camargo, com programação estendida até às 17 horas.O evento é aberto ao público e voltado para gestores, trabalhadores da assistência social,

entidades assistenciais, conselheiros de direito, bem como, a rede intersetorial do município e interessados no tema. Aproximadamente 300 pessoas participam do seminário, com direito a certificado.

A mesa de autoridades que participaram da solenidade de abertura realizada no início da manhã foi composta pelo vice-prefeito, Waldecy Bortoloti, pela secretária de Assistência Social, Marli Beneduzzi Pignatari, pelo presidente da Câmara Municipal de Votuporanga, Eliezer Casali, e por representantes do Condeca (Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente), Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e Conselho Municipal de Assistência Social.

A assistente social da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Abigail Torres, abriu o evento falando sobre “Convivência Social como Direito e como Expressão de Segurança e Proteção no Âmbito da Política de Assistência Social”. Na sequência, o psicólogo e consultor de São Paulo, José Carlos Bimbatte Júnior aborda o tema “O Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente; a premência do trabalho em redes para o enfrentamento ao fenômeno da violência”.

Em entrevista a secretária da Assistência Social de Votuporanga, Marli Beneduzzi Pignatari, disse que “eventos como esse reforçam a ideia de que todos nós somos responsáveis pelas crianças e adolescentes, e aqueles que não denunciam também praticam uma certa forma de violência pela omissão”.

Denúncias anônimas podem ser feitas pelo Disk 100. Mais informações sobre os serviços de proteção a criança e adolescente em Votuporanga podem ser obtidas pelo telefone (17)3426-2600.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password