Estradas ainda são usadas para descarte de lixo

Algumas pessoas continuam jogando lixo doméstico em terrenos, estradas e vicinais, mesmo a cidade tendo locais para o descarte correto. São vários os pontos da cidade, como, por exemplo, no prolongamento da avenida Emílio Arroyo Hernandes, próximo à rodovia Péricles Belini (SP-461); em um terreno próximo ao Córrego Boa Vista e outros, que recebem animais mortos, restos de alimentos, sapatos, além de sofás e outras mobílias.

 

Mesmo com placas sinalizando para que não fossem descartados no local, as pessoas jogaram lixo doméstico e demais ítens.

 

 

 

Ação

 

A Saev Ambiental intensificou no último trimestre de 2012 o trabalho de limpeza em trechos de estradas rurais que são utilizados de forma irregular para o descarte de recicláveis e entulhos. A coleta dos resíduos tem o apoio da Converd e Secretaria de Serviços Urbanos da Prefeitura de Votuporanga.

 

Desde o início do mutirão, a equipe já recolheu em torno de 40 caminhões de lixo, correspondente a 320 toneladas. Entre os pontos estão a vicinal de Parisi e vias próximas aos bairros São Cosme, Colinas, Paineiras e Distritos Industriais 5 e 6.

 

O mutirão de limpeza especial também é realizado nas estradas ao redor do Aeroporto Estadual “Domingos Pignatari”. O objetivo é evitar a presença das aves que podem ocasionar acidentes com aeronaves.

 

Segundo o coordenador do trabalho, Cláudio Gavioli Craveiro Nogueira, os tipos de lixo mais encontrados são animais mortos, móveis velhos, garrafas de bebidas, madeira e restos de construção. Todos estes resíduos são recebidos no Ecotudo, desde que sejam domiciliares. Já os resíduos gerados pelas empresas, são de responsabilidade delas, de acordo com a Política Nacional de Resíduos Sólidos.

 

“Com a criação do Ecotudo em dois pontos da cidade (Norte e Sul), essa prática diminuiu muito, mas parte da população desrespeita a legislação e descarta o lixo na Zona Rural. Infelizmente ainda há moradores que preferem se deslocar até essas áreas ao invés de irem até uma das unidades do Ecotudo. Também observamos que esse crime ambiental é praticado por algumas empresas que descumprem a obrigação de cuidar dos resíduos gerados por elas”, conta Nogueira.

 

Paralelo ao trabalho de limpeza, a equipe da Saev Ambiental visitou indústrias e comércios próximos às estradas rurais pedindo o apoio no combate ao descarte.

 

 

 

Lei

 

A lei nº 4877, de 7 de dezembro de 2010, determina que “é proibido depositar ou descarregar qualquer espécie de lixo, inclusive resíduos industriais, em terrenos localizados nas áreas urbanas e de expansão urbana deste Município. (…) Quando a infração for de responsabilidade do proprietário de estabelecimento comercial, industrial ou prestador de serviço este terá cancelada a licença de funcionamento na terceira reincidência, sem prejuízo da multa cabível”.

 

Quem flagrar a prática irregular, deve denunciá-la para a Polícia Ambiental pelo (17)

 

3421-9008 e Saev Ambiental, pelo 0800-770-1950. A multa pode chegar a R$ 255.

Karolline Bianconi

karol@acidadevotuporanga.com.br

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password