Equipe recebe homenagem e técnico elogia humildade do grupo

A noite da última segunda-feira foi de muitas homenagens dos vereadores durante a sessão ordinária. A primeira delas foi voltada ao Clube Atlético Votuporanguense que, após muita comemoração, recebeu o voto de congratulação pelo acesso do time à série A2 do Campeonato Paulista. A entrega foi realizada no plenário da Câmara e reuniu o elenco e também dirigentes do clube.

O autor do voto foi o vereador Osmair Ferrari, teve que adiar o mesmo por uma sessão, já que, na semana passada, quando seria entregue, a diretoria da equipe teve que viajar à cidade de São Paulo para definir os detalhes das partidas da final. Osmair, em sua justificativa, afirma que essa conquista certamente é motivo de grande orgulho para todos nós, que somos apaixonados por esse time de futebol, que sempre se mostrou guerreiro e nunca se esquivou diante das dificuldades encontradas nessa trajetória emocionante.

Ele destacou ainda o papel da imprensa e torcedores no Estádio Municipal Plínio Marin, palco de grandes conquistas e histórias da Alvinegra.

O prefeito de Votuporanga, Junior Marão, que não pode estar presente na solenidade, encaminhou ao presidente da casa de leis um ofício parabenizando o CAV pela homenagem. No documento, ele cumprimenta o técnico, Marcelo Henrique Dias, e também todos os jogadores, segundo ele, “verdadeiros guerreiros, cujo elenco se mostrou coeso e confiante até fora das quatro linhas”.

“Todos nós merecemos viver esse momento. Já estamos realiados pelo acesso, porém, ainda acreditamos na conquista do título, fato que viria coroar um trabalho sério, dedicado e muito bem feito. Obrigado a todos que colaboraram e que fizeram parte; creio que, como prefeito, falo como legítimo representante de nossa comunidade e expresso aqui tudo o que o torcedor gostaria de dizer: Parabéns família CAV e obrigado por encher nosso peito de orgulho e admiração”, encerra ele.

Agradecimento
Após a entrega da homenagem, o técnico usou a tribuna para agradecer aos vereadores e também ao público que apoia o CAV. “Eu acho que o ponto forte desse acesso foi essa união. Com esse espírito, essa união nos fortaleceu ainda mais. Não só no futebol, mas na vida, as coisas quando se faz com o coração, se faz honestamente, a probabilidade de acontecer é enorme. Isso nos motiva a cada dia para sempre melhorar e sempre fazer o melhor possível para essa cidade. Esse acesso é uma sensação inexplicável. Um grupo humilde e trabalhador tem todo esse mérito”, falou o técnico. Maíra Petruz/Diário de Votuporanga

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password