DISE prende irmãos “sócios no tráfico” em Nhandeara  

As prisões foram realizadas na noite de ontem (12), após meses de monitoramento por parte dos agentes da DISE, em Nhandeara/SP. 

Na noite de ontem (12), após vários meses monitorando, policiais civis da DISE (Delegacia de Investigação Sobre Entorpecentes) de Votuporanga/SP, prenderam os irmãos C.H.M., de 23 anos e C.A.M., de 29 anos, moradores de Nhandeara/SP, por envolvimento com o tráfico de drogas. 

De acordo com informações, C.H.M., deixou as celas da penitenciária recentemente, após cumprir pena por tráfico de drogas, e desde que ganhou a liberdade, ele se uniu ao irmão para o comércio ilegal de drogas naquela cidade, onde tinham sempre a função de buscarem pequenas quantidades de crack em Votuporanga, utilizando uma motocicleta Yamaha, de cor preta, que pertence ao C.A.M., a qual está em seu poder há muito tempo, entretanto, sequer emplacamento foi realizado, tudo para dificultar a atuação policial.  

No início da noite de ontem, após nova informação de fonte segura, indicando que os tais irmãos vieram para Votuporanga com a moto em questão, comprar crack para abastecer a cidade de Nhandeara, principalmente os bairros Cohab e Santa Luzia, reduto de outros traficantes e viciados.  

Os policiais permaneceram camuflados na margem da rodovia que liga as duas cidades, percebendo que a moto adentrou pela avenida da Coacavo, ingressando em Votuporanga. Pouco depois, enquanto aguardavam na mesma rodovia, a moto retornou, e seguiu em alta velocidade para Nhandeara, demonstrando que transportavam a droga para a venda.  

A polícia acompanhou a moto de maneira dissimulada, enquanto solicitava apoio da Polícia Militar daquela cidade. Aproximando-se do trevo de acesso à Nhandeara, a moto derivou para uma estrada de terra batida que liga diretamente a um bairro daquela cidade, sem que fosse possível passar pela área central de Nhandeara.  

A moto foi seguida de perto e quando adentrou a rua que liga a casa da mãe dos irmãos, promoveram a abordagem policial. C.A.M., foi detido ainda sobre a moto, enquanto que o C.H.M., tentou a fuga pelo interior da casa, sendo seguido e dominado já dentro do banheiro da residência, com a porta parcialmente trancada, sendo necessário uso de força física para fazê-lo desistir.  

Segundo os policiais, possivelmente ele tenha tido tempo suficiente pare dispensar parte da droga no vaso sanitário, haja vista seu comportamento. No bolso da calça de C.A.M., encontraram duas pedras grandes de crack, quantidade suficiente para produzir cerca de sessenta e cinco porções menores para a venda direta a usuários. 

Também apreenderam um telefone celular e uma cédula de R$ 10. Diante do exposto, foi dada voz de prisão em flagrante aos irmãos, apresentando-os na DISE, juntamente com a droga, valor em dinheiro e demais objeto. Após a análise da autoridade policial, Dr. Marcos Koji Yoshizaki, foi determinado o recolhimento imediato a carceragem local, de onde serão apresentados em audiência de custódia. 

0 Comentários

Deixe um Comentário

4 + dezoito =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password