DISE continua “faxina” contra acusados de tráfico

A equipe da DISE (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) de Votuporanga continua a “faxina” contra o tráfico de entorpecentes na cidade.

Somente nos dois últimos dois dias, foram efetuadas cinco prisões de traficantes em Votuporanga. Toda a operação policial foi conduzida pelo delegado titular da DISE Antonio Marques do Nascimento.

Conforme informações enviadas pela delegacia, os investigadores vinham realizando pesquisa sobre o tráfico de drogas praticado na cidade, tendo como alvo principal uma pessoa com o apelido de “Buguega”, de 27 anos de idade, residente na Rua Rio Negro no Bairro Pozzobon

A polícia apurou que o acusado estava associado a outros traficantes da cidade, que já foram devidamente identificados, inclusive, alguns deles já foram presos e autuados em flagrante delito pela Especializada por tráfico de drogas.

O acusado seria membro de uma facção criminosa na condição de “disciplina” da área 17, que engloba a região de São José do Rio Preto”.

Informações privilegiadas davam conta que o acusado faria entrega de entorpecentes, em companhia de outro membro da facção identificado por I.P.F., residente no Jardim Umuarama.

As equipes se posicionaram em pontos estratégicos nas imediações da casa do acusado e também com vista à residência de uma mulher de 22 anos, que reside na Rua Rio Negro. Ela seria a responsável pela guarda  das drogas comercializadas por ele.

Logo que o acusado adentrou a casa da mulher e dali saiu, adentrando no veículo  do outro indivíduo um VW Gol placas de Votuporanga e tomaram rumo a Avenida Emílio Arroyo Hernandes, foram seguidos de forma dissimulada e, quando adentraram um auto posto no bairro Pozzobon, foram abordados pelos policiais.

Em poder de um deles, em seu bolso foi apreendida uma balança digital de precisão, com resquícios de crack. Já sob o assento que ele ocupava, entre os bancos e próximo do freio de mão, foi encontrada uma sacola plástica de cor branca, contendo em seu interior duas pedras de crack de tamanho grande, quantidade suficiente para produzir cerca de 250 porções para a venda a viciados. Em poder deles foram também apreendidos telefones celulares.

Os três foram presos e autuados em flagrante delito, pelo Delegado titular da Delegacia de Entorpecentes, Dr. Antonio Marques do Nascimento, por infração aos artigos 33, 35 e 40, todos da Lei 11.343/06.(Tráfico de Drogas e Associação para o Tráfico), sendo eles recolhidos na Cadeia local e ela na Cadeia de General Salgado ficando à disposição da Justiça. 

votunews

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password