Dise apreende jovens por tráfico no Pró-povo e Palmeiras I

A Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) de Votuporanga segue com ações de combate ao tráfico de drogas, e neste início de semana, realizou dois flagrantes em regiões distintas da cidade. Ambas envolveram adolescentes.

Na primeira o ocorrência, diversas denúncias indicavam a venda de drogas por parte do adolescente identificado como o “Danielzinho”, de 16 anos de idade, morador da rua dos Rouxinóis no Bairro Pró-povo. Ele comercializava cocaína e maconha.

Na segunda-feira, depois de informações de que o adolescente mantinha em seu poder certa quantia de entorpecentes destinada ao tráfico, por volta de 16h, policiais do setor de entorpecentes dirigiram-se para o local e, diante da impossibilidade de manterem-se espreitados pelas cercanias, haja vista ser reduto de viciados que servem de olheiros, tomaram o local de surpresa.

O adolescente foi abordado no interior de seu quarto e em buscas no local, foram encontradas uma porção grande de cocaína e uma porção grande de maconha, além de pinos utilizados na embalagem de drogas e uma balança digital de precisão. O adolescente foi formalmente apreendido por ato infracional de tráfico de drogas, e deverá ser apresentado ao curador da infância e juventude desta Comarca de Votuporanga.

 

 Palmeiras 1

Denúncias anônimas vinham sendo recebidas pela Dise  delatando o tráfico de drogas em um estabelecimento localizado na esquina da rua Amélio João Gossn, com a avenida Joaquim Franco Garcia, Jd. Palmeiras I.  Um dos traficantes que atuava na venda de drogas naquele ponto foi identificado como sendo o adolescente “Joninha”, de 16 anos de idade. Por volta de 17h20, novas informações davam conta que o infrator estava comercializando drogas no mesmo local já indicado.

Policiais foram ao local e conseguiram abordá-lo. Em busca pessoal foi encontrada uma porção de maconha e ínfima quantia em dinheiro, ganhada com a venda de drogas e em uma busca minuciosa em suas vestes, foram encontradas quatro porções de cocaína, todas embaladas individualmente e prontas para serem comercializadas. Pelas circunstâncias, o adolescente autuado em flagrante delito por ato de tráfico de drogas e permanecerá custodiado em sala adequada na Cadeia Pública da cidade, onde será apresentado ao curador da infância e juventude da Comarca.

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password