Decisão: as dúvidas de Marcelo Henrique Dias

Técnico do CAV depende do Departamento Médico para escalação; na vaga de Bruno, suspenso, Paulo Eduardo assume a vaga

Apesar da semana livre para se dedicar aos treinamentos e à recuperação de jogadores, o técnico do Clube Atlético Votuporanguense, Marcelo Henrique Dias deve definir apenas hoje os 11 que entram jogando como titulares no domingo, no jogo que pode valer o acesso à Série A2 contra o Juventus. No lugar de Bruno, surge Romarinho. A condição física de Palito será testada e o lateral­-esquerdo Willian, também pode ser uma baixa inesperada.

Ontem, o time treinou no horário do jogo, às 10h, no Estádio Plínio Marin. Foi realizada atividade em campo compacto, sem marcação sob pressão, e mais ao final com excessivas jogadas de finalização, para acertar a pontaria do time. Segundo o treinador do CAV, todas as dúvidas sobre a escalação serão sanadas hoje, no treino coletivo, também pela manhã.

Marcelo Henrique Dias avalia como muito proveitosa a semana de treinamentos, com os jogadores muito empenhados e focados na decisão contra o Juventus. Segundo ele, os atletas sabem das dificuldades que irão encontrar na capital, mas ainda restam algumas dúvidas para a escalação.

Enquanto os atletas treinavam com bola ontem, Victor Palito dava voltas ao redor do gramado, correndo, e fez exercícios de alongamento. Ao A Cidade, disse que não sente dor alguma e está pronto para entrar em campo e defender as cores do CAV. Entretanto, para o treinador da Alvinegra, é preciso ter cautela. “O Palito não treinou nenhum dia na semana. Apesar de não ter acusado nada de grave no exame, ainda precisamos avaliar. Ele vai ser liberado pelo Departamento Médico nesta sexta­feira, e aí vamos ver como ele se sai no treinamento. Se o jogador mostrar que está 100%, irá para o jogo. Nessa fase só podemos contar com jogadores nas melhores condições”, disse Marcelo Henrique.

Outra dúvida de última hora que também depende do aval do DM é o lateral-­esquerdo Willian, que torceu o tornozelo, foi poupado de boa parte do treinamento de ontem e também é aguardado no coletivo. Por outro lado, o técnico do CAV não esconde que opta por Paulo Eduardo, o Romarinho, na vaga de Bruno, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Outros concorrentes à vaga, os atacantes João Victor e Robert, ficam como opção.

Com relação à hipótese de Victor Palito não ter condição de jogo, o técnico da Alvinegra aponta como opção entrar com três zagueiros. “O Paulo Henrique está pronto para jogar”. O treinador do CAV justifica a opção pelo jogador, e não por Lino, pelo fato de maior ritmo de jogo, já que foi titular por quase toda a Série A3.

Bola aérea

Marcelo Henrique ainda mostra preocupação com a jogada de bola aérea do Juventus, que na primeira fase resultou em uma derrota do CAV, em dois gols de escanteios. Frente a isso, afirmou que o time treinou muito esse tipo de lance, e que está pronto para fazer frente ao Moleque Travesso. “A bola aérea é o forte deles. temos que ter atenção, para gente não poder ser surpreendido”, avaliou. Jociano Garofolo/A Cidade

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password