Cresce notificação de escorpiões na cidade

A Secretaria Municipal de Saúde confirmou que em 2014 foram 127 notificações de aparecimento do animal ao Secez, sendo 20 deste mês.

A população de Votuporanga notou um maior aparecimento de escorpiões e a Secretaria Municipal de Saúde confirmou a situação ao divulgar os números, em 2014 foram 127 notificações de aparecimento do animal ao Secez (Setor de Controle de Endemias e Zoonoses), sendo 20 deste mês.

Já os acidentes com o animal (picadas), notificados pela Vigilância Epidemiológica, foram 253 no ano, sendo 63 do último trimestre.

Os números representam apenas os casos notificados, mas grande parte dos moradores não procuram a Saúde para fazer o registro.

De acordo com o Secez, os escorpiões se alojam em restos de construções, madeiras, ralos, frestas, muros sem rebocos e matéria orgânica, entre outros locais.

“A Secretaria de Saúde faz o trabalho de prevenção orientando a população sobre os cuidados que se deve ter para que não ocorra acidentes com os escorpiões”, explicou Adelice Silva, do Secez.

Com muito cuidado, a pessoa que encontrar o escorpião, pode eliminá-lo. Além disso, é ideal também que faça a notificação para facilitar o trabalho de orientação e prevenção no município.

Adelice explicou que, em caso de picada, é importante lavar com água e sabão o local e procurar imediatamente a unidade de pronto atendimento do município.

Vinnicius Criado contou que três escorpiões apareceram recentemente em sua casa, um no quarto, outro no banheiro e o terceiro na calçada, no bairro Parque dos Estados. “Minha vizinha também encontrou outo na semana passada”, contou.

Em menos de uma semana, Leonardo Mello, que mora no Pozzobon, também encontrou dois em sua casa.

O susto foi grande para Karina Ando, que se deparou com o escorpião dentro do banheiro enquanto tomava banho. Ela mora no Polo Industrial, perto da Facchini Implementos.

Os escorpiões são animais invertebrados que apresentam corpo, quatro pares de pernas e cauda, na ponta da qual há bolsas de veneno e um ferrão. Embora existem inúmeras espécies desses animais, nem todas possuem um veneno tóxico o bastante para causar acidentes graves com sua picada. Leidiane Sabino/A Cidade

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password