Copa do Mundo e Eleição serão alvos do “CQC”

Com uma proposta diferente que misturava humor, entretenimento e jornalismo, estreou em 17 de março de 2008, o “Custe o Que Custar”, mais conhecido entre a população brasileira, como “CQC”. Imediatamente os telespectadores perceberam que estavam diante de algo novo, bem diferente do que já havia sido apresentado em outros programas. O formato da atração é da produtora Eyeworks-Cuatro Cabezas.

O “CQC” entra em sua sétima temporada e voltou ao ar com fôlego renovado. Marcelo Tas e Marco Luque agora dividem a bancada com Dani Calabresa. Felipe Andreoli, Oscar Filho, Mauricio Meirelles, Ronald Rios e Guga Noblat continuam no time do “CQC”. Chamada de “fadinha malvada” e “traquinas” pelo apresentador Marcelo Tas, Naty Graciano é a nova repórter do programa.
Novos quadros se juntam aos já consagrados ”Olho por Olho”, ”Documento da Semana”, ”Sem Saída” e “Proteste Já”. No ”50 Por 50″, uma das novidades da temporada, o repórter Mauricio Meirelles sai às ruas com uma celebridade convidada, para tentar a sorte em um divertido jogo de adivinhação. A cada resposta errada, o perdedor paga R$ 50 ao oponente. No fim do ano, o programa doará todo o montante arrecadado com a brincadeira para uma instituição de caridade. Já o ”Cadeia de Favores” pretende ajudar aos que mais precisam em todo Brasil: uma instituição, uma escola, uma creche, um asilo ou comunidade carentes de materiais, instrumentos musicais, roupas ou alimentos.
Outra novidade desta temporada é o quadro ”Os Picaretas”. Nele, câmeras escondidas mostram as técnicas e truques usados por estelionatários para enganar e ganhar dinheiro ilicitamente em todo o país. No ”Torcida VIP”, um bando de torcedores organizados vai abordar cantando, de surpresa, celebridades do mundo da TV, política e esporte, em situações engraçadas e constrangedoras. Tem também o ”#SemFiltro” que dará voz às crianças para comentar as principais notícias, vídeos e virais da semana; e o ”Elefante Branco” vai denunciar obras paradas Brasil afora.
Para 2014, o “CQC” pretende fazer uma grande cobertura da Copa do Mundo, além, claro, das Eleições. “Criamos quadros bem específicos e divertidos este ano; tudo a ver com a alegria do Brasil. Diversão é a palavra de ordem no ‘CQC’ em 2014″, conta Marcelo Tas.
O programa exibido nas noites de segunda-feira, a partir das 22h30, faz um resumo semanal das notícias, e nessa varredura dos fatos importantes, sob o olhar atento do “CQC”, ninguém escapa. De microfone em punho e munidos de uma cara de pau acima da média, os “homens e a mulher de preto” têm uma prioridade: perguntar o que ninguém teve coragem. A atração também é exibida simultaneamente pela Rádio Bandeirantes.
O formato do “CQC” já recebeu 7 indicações ao International Emmy Awards e tem versões no Chile, Argentina, Espanha e Itália e aqui no Brasil é uma das maiores audiências da Rede Bandeirantes e nesta temporada a atração promete inovar ainda mais.

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mim Perdeu sua senha?

    Lost Password