Consumo de álcool pode ter sido a causa de acidente na SP-320

FERNANDÓPOLIS – Os corpos de Amadeu Domenico, 21, e Aline de Souza Batista, de 17 anos foram enterrados no incio dessa semana em Fernandópolis. Eles são duas vítimas fatais do acidente ocorrido na noite do último sábado (27) , por volta das 23h, na rodovia Euclides da Cunha, quilômetro 547, próximo a alça de acesso de um dos pontilhões em Fernandópolis.

A perícia deve identificar as causas do acidente, porém a hipótese de que o motorista havia ingerido bebidas alcoólicas não foi descartada, uma vez que testemunhas afirmaram que o carro seguia em alta velocidade e zigue zagueou antes de entrar na alça de acesso . O acidente aconteceu um dia antes do inicio das blitzes da Lei Seca em Fernandópolis.

As autoridades levantaram a hipótese de que Amadeu havia tentado acessar a rodovia na contra mão e acabou colidindo frontalmente com a carreta que seguia no sentido Fernandópolis a Meridiano.

Outra versão é de que o veiculo Gol teria rodado na pista, colidindo frontalmente com o bitrem que seguia no mesmo sentido. Os corpos foram encaminhados ao IML (Instituto Médico Legal) de Fernandópolis.

Uma das pistas em direção sul teve que ser interditada. Com a colisão, houve vazamento de óleo e os bombeiros tiveram que jogar pó de cerra para evitar novos acidentes. O trecho ainda teve que ser lavado para retirar de pedaços dos veículos envolvidos.

Fonte: Jornal4 Cantos

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password