Conheça os benefícios da prática de atividades físicas para crianças e adolescentes

Exercícios físicos melhoram a coordenação motora e estimulam a cognição, além de combater a obesidade 

Vivemos atualmente na era do sedentarismo, a cada dia as pessoas estão diminuindo suas atividades físicas cotidianas e ao mesmo tempo aumentando a ingestão de alimentos calóricos e pouco nutritivos. O impacto não poderia ser diferente: os índices de saúde e qualidade de vida são afetados negativamente. Uma das maiores preocupações é que esse processo já não tem mais limitações quanto à faixa etária, e doenças como o sobrepeso, estão hoje em evidência entre crianças e adolescentes, e vem aumentando ano a ano.

E ao contrário do que muitos pensam nem sempre a culpa é da genética. Filhos de pais obesos têm 10% de chances de serem obesos, o que prova que a influência hereditária não é tão grande quanto se imaginava. O grande vilão é a “transferência cultural”, pois filhos de pais que não fazem atividades físicas e se alimentam mal, tendem a assumir os mesmos hábitos dos pais.

E para saber mais sobre isso, a equipe de reportagem do Diário de Votuporanga conversou com uma profissional da área. Letycia Nayara Marton, educadora física e pós-graduanda em Fisiologia do Exercício e Nutrição no Esporte, começa nossa entrevista nos esclarecendo uma das principais dúvidas, a partir de que idade as crianças podem começar a prática de exercícios físicos. “Sabemos que nosso corpo é composto por um conjunto mecânico muito bem elaborado que denominamos sistema locomotor, entre outras palavras, fomos feitos para movimento, e a ausência deste, faz com que o nosso corpo venha sofrer diversos males. No caso da criança é fundamental, pois boa parte do seu desenvolvimento depende de sua expressão corporal, por isso é necessário que ela comece a ser estimulada desde os seus primeiros anos de vida,” relata a educadora.

Quais são os benefícios para a saúde delas?
“Vários são os benefícios, melhora do aspecto cognitivo, ou seja, a criança que brinca e ao mesmo tempo se exercita, desenvolve seu raciocínio e o que facilita no seu aprendizado, o que reflete até mesmo no seu rendimento escolar, além de proporcionar uma interação entre outras pessoas o que facilita o seu convívio social”, diz.

Letycia nos fala também, dos tipos de exercícios mais indicados para esta faixa etária,
“os exercícios variam de acordo com a idade de cada individuo, mas sempre devemos pensar em trabalhar o desenvolvimento cognitivo, social e motor, através de atividades lúdicas que desenvolvam, equilíbrio, lateralidade, reflexo, agilidade, coordenação motora, flexibilidade, consciência corporal, postura, velocidade e reação entre outras,” comenta.

Quais os cuidados que os responsáveis pela criança precisa ter?
“Os responsáveis precisam ter atenção especial na dieta dos filhos e promover ações que posam estimular a criança ao movimento desde as suas primeiras fases do seu desenvolvimento. Em relação às atividades físicas é necessário que a criança seja orientada por um profissional de educação física, que possua conhecimento em desenvolvimento infantil”, afirma.

A educadora aproveita a oportunidade e nos explica por quê o sedentarismo tem maior índice entre crianças e adolescentes. “Com a evolução da tecnologia, é muito comum crianças e adolescentes substituírem atividades que demandam gasto energético pelas brincadeiras automatizadas. É frequente vê-las por horas na frente da televisão, tablet, jogando videogame, ou navegando na internet”, destaca.

E para terminar o bate-papo, a profissional explica as consequências que a ausência da prática de exercícios físicos podem trazer para crianças e adolescentes. “A ausência de atividades físicas na fase infantil pode acarretar vários problemas, entre eles estão: aumento de peso e até mesmo obesidade, desvios posturais, conflitos na socialização, diminuição do acervo motor, entre outros”, finaliza. (Colaborou Paulo Ricardo Venâncio) Diário de Votuporanga

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password