Concha Acústica sedia apresentação do Coral de Sinos, nesta noite

Grupo é do Instituto Adventista Paranaense, de Maringá – Paraná, e conta com seis moças e sete rapazes, todos alunos do ensino médio, com idades entre 14 e 17 anos

Diretamente do Instituto Adventista Paranaense, de Maringá, no Paraná, Votuporanga recebe, na noite de hoje, o Coral de Sinos. A apresentação será na Concha Acústica ‘Prof. Geraldo Alves Machado’, a partir das 20h30, e é totalmente gratuito. O regente é o professor Edward Thomas, de origem americana.

O Coral de Sinos do IAP foi formado em outubro de 2006. É o primeiro e único do estado do Paraná e do sul do país. O grupo é formado por alunos do Instituto Adventista Paranaense e neste ano conta com seis moças e sete rapazes, todos alunos do ensino médio, com idades entre 14 e 17 anos.

 
O objetivo do Coral de Sinos do IAP é colaborar no desenvolvimento do aluno, acrescentando ânimo, experiência e respeito à diversidade, ampliando o seu horizonte cultural e aumentando sua autoestima. Ao mesmo tempo oferece às pessoas dos mais diversos locais a oportunidade de presenciar música de alta qualidade. O repertório é variado e composto por músicas sacras, eruditas, populares e brasileiras.

 
Na apresentação de Votuporanga estão previstas músicas conhecidas de Natal. Os sinos e equipamentos são de origem americana, fabricados pela Malmark, empresa especializada na fabricação de sinos de mão (handbells, em inglês). As apresentações acontecem em diversos lugares do país.

 

História
Em 1985 o missionário Padre Virgil Fryling trouxe para o Brasil um jogo de três oitavas de sinos para o colégio Edessa (Educandário Espírito Santense Adventista), no Espírito Santo. A influência levou ao surgimento de outros grupos como no IAENE na Bahia, IPAE em Petrópolis e o grupo do Unasp – SP.

 
O professor Edward Thomas dirigiu o Coral de Sinos do Edessa de 1999 a 2003. Quando chegou ao IAP, no início de 2004, o professor iniciou uma campanha entre amigos e familiares, para montar o Coral de Sinos do IAP. No final de 2005 ele recebeu uma doação substancial. No início de 2006 o equipamento foi adquirido, com o complemento em dinheiro de mais uma doação e o material chegou ao IAP em setembro de 2006. Logo foram dadas aulas aos interessados.

 
Uma vez feita a seleção, ensaios intensivos começaram e o Coral de Sinos do IAP fez sua apresentação inaugural no aniversário do IAP, no final de outubro. Apesar de duas décadas terem passado desde que o primeiro grupo começou no Brasil, ainda existem poucos grupos, o mais recente sendo o Coral de Sinos do IAP.

 

ANCELMO LIO – Diário de Votuporanga

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password