Comando da PM se manifesta sobre a morte de homem que atacou policial

O Comando da Polícia Militar em Fernandópolis emitiu nota oficial na tarde desta segunda-feira, dia 22, sobre o incidente ocorrido no último sábado onde um policial acabou atirando e matando um homem no bairro Acapulco.

Segundo a nota, a V.B.A teria entrado em luta corporal com o policial militar, indo os dois ao solo e ainda o profissional teria recebido chutes de uma mulher identificada como M.S.

V.B.A, que possui antecedentes criminais, conseguiu se desvencilhar do policial e apossou-se de uma marreta, voltando em direção do policial para tentar golpeá-lo, quando foi alvejado.

LEIA NOTA NA ÍNTEGRA
Em 19 de fevereiro por volta de 18h40min, durante diligência em apoio a uma ocorrência de acidente de trânsito, a patrulha da Atividade Delegada se deparou com as pessoas envolvidas defronte à residência de uma delas.
Ao ser perguntado sobre o envolvimento no acidente, o indivíduo identificado como V.B.A, ficou extremamente alterado e passou a desacatar os policiais, resistindo à abordagem. O homem entrou em luta corporal com o policial tendo ambos caídos ao solo, momento em que uma mulher, identificada com M.S. também agrediu o policial, desferindo chutes na cabeça, vindo a lhe causar lesões corporais. V.B.A, que possui antecedentes criminais, conseguiu se desvencilhar do policial e apossou-se de uma marreta, voltando em direção do policial para tentar golpeá-lo. Mesmo após o policial tentar verbalizar por diversas vezes para que o indivíduo soltasse a marreta, o que não foi atendido, tendo o indivíduo se aproximado colocando em risco o policial, que para cessar a injusta agressão, necessitou efetuar disparos na direção de V.B.A. alvejando-o na região do tórax.

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password