Com golaço de Roger, Furacão vence xará mineiro em Curitiba

Embora os dois Atléticos se apresentem bem na tábua de classificação, o duelo dos xarás nesta noite de quarta-feira em Curitiba não foi lá de tão alto nível. Com o gol único de Roger, o Furacão arrancou a vitória e foi aos 51 pontos na tabela. 1 a 0 placar final. O resultado deixou o Furacão momentaneamente à frente do Botafogo, que ainda joga nesta quinta.

Primeiro tempo morno na fria Curitiba

Apesar da boa colocação de ambos os times na tabela, a partida apresentou um rítmo truncado, com muita marcação dos dois lados. O campo ruim ainda colaborou para os frequentes chutões. Durante os primeiros 15 minutos, o time da casa exerceu ligeira pressão sobre os visitantes, mas não foi o suficientes para assustar a meta de Giovanni. Do lado do Furacão, Paulo desperdiçou uma ótima oportunidade em falta bem próximo da área, que explodiu na barreira. Já no Galo, Luan escapou bem pela extrema direita, mas Weverton saiu bem do gol para impedir que a bola chegasse em Alecsandro.

Bem defensivamente, o Galo avançava com boas tramas de Fernandiho, Tardelli e principalmente Luan. As constantes trocas no posicionamento dos jogadores causavam confusões na marcação dos rubro-negros. O último passe, no entanto, prevalecia como um bloqueio para que o ataque chegasse com perigo. Empurrado pela torcida, o Furacão se surpreendeu com a boa marcação alvinegra, mas foi melhorando aos poucos. A equipe, porém, permanecia inssistindo muito nos lançamentos longos, facilmente interceptados pelo defesa mineira. Na melhor chance dos anfitriões no primeiro tempo, Paulo Baier falhou e desperdiçou ótima chance de abrir o placar. O time mineiro ainda responderia com Alecsandro, mal na partida, acertando o travessão, em chute da entrada da área.

Nos últimos dez minutos da etapa inicial, um festival de cartões tomou conta do jogo. Donizete e Luan, pelo Galo, e Bruno Silva, pelo Furacão, foram advertidos. Alecasandro e João Paulo se desentenderam em campo e também foram amarelados.

Jogo ganha emoção, e Roger faz o gol da vitória

O segundo tempo começou com um rítmo bem superior à etapa inicial. Pela meia direita, Everton finalizou próximo ao travessão de Giovanni. No contra-ataque alvinegro, Tardelli perde um gol cara a cara com Weverton. No rebote, o goleiro do Furacão ainda espalmou a bomba de Fernandinho, evitando o primeiro gol da partida.

Quando o Atlético-MG retomava as rédeas da partida, Alecsandro levou o segundo amarelo, foi expulso e impediu que Cuca promovesse a entrada do garoto Dodô ao time titular. Sem nada a temer, o Furacão partiu para cima, e foi recompensado com um gol já nos minutos finais de jogo. Roger tabelou com Paulo Baier, que colocou o companheiro na cara do gol. O atacante ainda driblou Giovanni antes de marcar o gol da vitória. Triunfo simples mas importante para o Atlético-PR. O Mineiro ainda teve Marcos Rocha expulso no final do jogo.

ATLÉTICO-PR 1×0 ATLÉTICO-MG

Local: Durival de Britto, em Curitiba (PR)
Renda / Público:
Árbitro: Célio Amorim (SC)
Assistentes: José Pablo Zanardo (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)

Cartões amarelos: Léo, Bruno Silva, Paulo Baier (APR), Marcos Rocha, Josué, Leandro Donizete, Luan, Diego Tardelli e Alecsandro (ATL).
Expulsões: Alecsandro, 27/2T; Marcos Rocha, 43/2T (ATL)
Gol: Roger, 39/2T (APR)
Público/Renda: 6.811 pagantes/R$81.730,00

ATLÉTICO-PR: Wéverton, Léo, Manoel, Dráusio e Pedro Botelho (Maranhão, 18/1T); Bruno Silva, João Paulo (Roger, 30/2T), Everton e Paulo Baier; Marcelo e Ederson (Douglas Coutinho, 19/2T). Técnico: Vagner Mancini.

ATLÉTICO-MG: Giovanni; Marcos Rocha, Jemerson, Emerson e Junior Cesar; Josué, Leandro Donizete, Diego Tardelli, Luan e Fernandinho (Neto Berola, 45/2T); Alecsandro. Técnico: Cuca

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password