Com dois de Messi, Argentina bate Nigéria e garante os 100%

Nigéria chegou a empatar o jogo duas vezes, mas acabou derrotado pelos sul-americanos

Crédito: Ricardo Correa

Lionel Messi foi o grand herói argentino na partida em que tanto Argentina quanto Nigéria garantiram suas vagas na fase oitavas de final. Com vitória de 3 x 2, os argentinos garantiram 100% de aproveitamento, enquanto os nigerianos, que fizeram uma grande partida, contaram com a vitória da Bósnia sobre o Irã para se garantirem em segundo lugar no Grupo F.

Logo no começo do jogo, os argentinos chegaram fortes. Após um chute de Dí Maria, em que a bola pegou duas vezes na trave, Messi, aproveitando o rebote, marcou seu terceiro gol na Copa com dois minutos de jogo. Com isso a Nigéria saiu para o jogo e Musa, em um chute maravilhoso, parecido com o gol de Messi contra o Irã, empatou o jogo aos três minutos. O jogo seguiu sem grandes chances, até os 46 minutos, quando Messi, em cobrança de falta, marcou o segundo gol argentino, deixando o goleiro Enyeama sem reação.

Na segunda etapa, querendo evitar um possível dependência do jogo entre Bósnia e Irã, a Nigéria foi para cima e, novamente Musa, empatou o jogo com dois minutos, após receber na entrada da área e deslocar o goleiro Romero. No entanto, novamente, com rapidez, a Argentina passou novamente à frente. Após escanteio da direita, Rojo aproveitou um desvio de cabeceamento no meio da área e, de joelho, fez o terceiro da Argentina. Aos 21 minutos, Lionel Messi foi substituído por Ricky Álvarez, para ser poupado para a próxima fase.

Agora, a Argentina vai a São Paulo, enfrentar o segundo colocado do grupo E na terça-feira (1), enquanto a Nigéria joga contra o primeiro lugar da chave E na segunda-feira (30), em Brasília.

25/6/2014 – BEIRA-RIO (PORTO ALEGRE – RS)

NIGÉRIA X ARGENTINA

J: Nicola Rizzoli (Itália); P: 43.285; CA: Omeruo e Oshaniwa; G: Messi (2 e 46 do 1º), Musa (3º do 1º; 2 do 2º), Rojo (4 do 2º) ;

NIGÉRIA: Enyeama (6,5); Ambrose (6), Yobo (5,5), Oshaniwa (5) e Omeruo (4,5); Onazi (5,5); Obi-Mikel (5,5), Musa (8) e Babatunde (6,5) (Uchebo 20 do 2º (5)); Odemwingie (4,5) (Nwofor 35 do 2º (s/n)) e Emenike (6,5). T: Stephen Keshi.

ARGENTINA: Romero (5); Zabaleta (4), Federico Fernandez (4), Garay (4) e Rojo (6,5); Mascherano (6,5), Gago (5) e Di María (7); Messi (8,5) (Alvarez 18 do 2º (5)), Higuaín (6,5) (Biglia 45 do 2º (s/n)) e Agüero (4,5) (Lavezzi 37 do 1º (6)). T: Alejandro Sabella.

 

 

 

 

Fonte: Placar

0 Comentários

Deixe um Comentário

cinco × dois =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password