Com cabeça na Libertadores, Atlético-MG vence Corinthians no Pacaembu

 

A final da Copa Libertadores é o principal foco do Atlético-MG no momento. Entretanto, a equipe do técnico Cuca conseguiu um importante resultado neste domingo. Jogando no Pacaembu, o time mineiro derrotou o Corinthians por 1 a 0, contando com gol marcado por Rosinei ainda no primeiro tempo.

 

Alexandre Pato tenta jogada contra a defesa do Atlético-MG; atacante teve atuação apagada Foto: Bruno Santos / Terra
Alexandre Pato tenta jogada contra a defesa do Atlético-MG; atacante teve atuação apagada
Foto: Bruno Santos / Terra

 

 

As duas equipes sofreram com desfalques para a partida. Tite optou por não por em campo Danilo, Emerson, Renato Augusto e Douglas, que estão em fase final de recuperação de lesões, já que a equipe paulista tem a decisão da Recopa Sul-Americana com o São Paulo na próxima quarta-feira.

 

Já o Atlético-MG tem seu foco voltado à decisão da Copa Libertadores. Como a equipe mineira tem a primeira final contra o Olimpia na quarta-feira, Cuca poupou seus principais atletas. As exceções ficaram por conta de Victor e Réver, que querem manter o ritmo de jogo, e Bernard, que está suspenso para a partida de ida.

 

Com a vitória, o Atlético-MG está na oitava colocação do Brasileiro, com dez pontos. Já o Corinthians está em 11º, com nove. O time de Tite tem como próximo compromisso partida fora de casa contra o Atlético-PR em Curitiba, no domingo, às 16h, enquanto os mineiros recebem a Ponte Preta no Independência, às 18h30.

 

Aproveitando a falta de entrosamento do Atlético-MG, o Corinthians teve um início de jogo promissor. Aos 7min, Romarinho fez grande jogada na área e tocou rente à trave esquerda de Victor. Com o passar do tempo, entretanto, o time da casa passou a dar espaços para o adversário jogar, especialmente pela esquerda.

 

Guerrero lamenta derrota do Corinthians no Pacaembu Foto: Bruno Santos / Terra
Guerrero lamenta derrota do Corinthians no Pacaembu
Foto: Bruno Santos / Terra

 

 

O placar só foi alterado aos 35min. Bernard fez boa jogada pelo setor de Edenílson e cruzou para o ex-corintiano Rosinei completar e vencer Victor. O gol não abateu o Corinthians, que tentou buscar o empate, mas pecou no preciosismo e falta de mira de seus atacantes. Aos 40min, Romarinho teve ótima chance, mas chutou em cima de Victor. Na sequência, Guerrero desperdiçou o rebote.

 

A situação não melhorou para o Corinthians depois do intervalo. Tendo Ibson como sua fonte de criação, a equipe da casa errava muitas jogadas. As finalizações que ocorriam eram facilmente defendidas por Victor. Enquanto isso, o Atlético-MG, que já havia visto Réver deixar o jogo para que se poupasse para a Libertadores, perdeu Júnior César com uma torção de tornozelo.

 

Para tentar melhorar a produção de sua equipe, Tite pôs em campo o jovem Paulo Victor, que pouco conseguiu produzir. A seguir, Léo, 18 anos, foi outro atacante a entrar em campo, este no lugar de Alexandre Pato, que ouviu vaias. A jovem dupla não foi o suficiente para mudar a cara do Corinthians, que saiu derrotado e garantiu a festa atleticana.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password