Chega a 25 o número de casos de H1N1 em Fernandópolis

A Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde confirmou nesta segunda-feira, 18, mais dois casos de H1N1 em Fernandópolis. Com estes, o número de registros sobe para 25, dois resultaram em óbitos.
De janeiro até agora foram 57 notificações, 33 descartadas e 02 ainda estão aguardando resultado.
Dos 25 casos confirmados, 22 foram realizados pelo laboratório de referência IAL (Instituto Adolfo Lutz) e 03 por laboratório da rede particular.
A 18ª Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza H1N1 começa no dia 30 de abril e vai até 20 de maio. Poderão receber a vacina apenas as pessoas incluídas nos grupos prioritários preconizados pelo Ministério da Saúde.
Os grupos são: crianças entre 6 meses e menores de 5 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, indígenas, pessoas com doenças crônicas/imunodeprimidos, pessoas com 60 anos ou mais, população prisional e os funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medida socioeducativas.
No dia “D”, será dada prioridade para idosos, gestantes e crianças da faixa etária estipulada. Os profissionais da saúde receberão as doses a partir do dia 02 de maio.

H1N1 – Como evitar?

A primeira medida e a mais importante: lave as mãos. Tente permanecer saudável dormindo bem, praticando atividade física, controlando seu stress, bebendo muito líquido e preferindo alimentos nutritivos.

·Tente não tocar superfícies que podem estar contaminadas com o vírus da gripe. Evite contato próximo com pessoas doentes.
·Cubra o nariz e a boca com um lenço de papel quando tossir ou espirrar, jogando o lenço no lixo após o uso.
·Lave as mãos com freqüência, usando água e sabão, especialmente após tossir ou espirrar. Produtos para desinfecção das mãos à base de álcool também são eficientes.
·Evite tocar seus olhos, nariz ou boca. Os germes se transmitem dessa maneira.
·Tente evitar contato próximo com pessoas doentes.
·Se você contrair a influenza, o CDC recomenda que fique em casa, evitando ir ao trabalho ou à escola. Evite contato com outras pessoas, para não infectá-las.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password