Candidato a prefeito do PSDB em SP será escolhido por Alckmin

SÃO PAULO – O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, será o responsável pela escolha do candidato do PSDB a prefeito da capital paulista, em 2016.

Nenhum dos políticos tucanos que já se lançam na disputa conseguirá êxito sem a bênção do governador.

Apesar do ex-presidenciável tucano Aécio Neves desfrutar de um bom momento como o principal líder da oposição – com os 51 milhões de votos obtidos na última campanha -, Alckmin surge como um forte nome para concorrer ao Palácio do Planalto e, como parte dessa estratégia, torna-se importante para ele a escolha de um candidato a prefeito na capital afinado com a sua atuação. No Palácio dos Bandeirantes, no entanto, a avaliação é que os pré-candidatos se lançaram na disputa interna “antes da hora”.

O governador reeleito quer, primeiro, compor o seu novo secretariado e só mais adiante pensar no assunto. Já se colocam como pré-candidatos, entre outros, o deputado federal eleito Bruno Covas; o deputado e agora suplente de senador José Anibal; e o vereador paulistano Andrea Matarazzo, ligado ao senador eleito José Serra. Mário Covas Neto, o “Zuzinha”, também vereador em São Paulo e filho do ex-governador Mário Covas (morto em 2001), é outro nome lembrado. O senador Aloyzio Nunes Ferreira, vice na chapa derrotada de Aécio Neves, é citado, mas deve ser opção para o futuro.

É tido como provável candidato à sucessão de Geraldo Alckmin em 2018. Caso Aécio fosse eleito, o vereador Andrea Matarazzo – que coordenou a campanha do senador mineiro na capital paulista -, seria, na disputa interna, um nome quase imbatível.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password