Cairo sente incômodo, mas não preocupa para o jogo

Camisa 1 garante que está confirmado e focado para a partida decisiva de domingo, às 10h, no Estádio Santa Cruz, contra o Botafogo

Durante o treinamento de ontem à tarde, no Plínio Marin, o goleiro Cairo, capitão da equipe, sentiu um incômodo na perna direita e deixou a atividade. Segundo o próprio jogador, a saída do treino foi apenas para efeito de prevenção de uma lesão mais séria. O camisa 1 garante que está confirmado e focado para a partida decisiva de domingo, às 10h, no Estádio Santa Cruz, contra o Botafogo.

“Desde terça-feira estou sentindo uma dor na perna direita. Hoje (quinta-feira) achei melhor sair e me poupar para de repente não agravar a dor. Estou tranquilo que no domingo estarei em campo brigando por essa classificação que é muito importante para nós”, garantiu ele.

Vale lembrar que o goleiro ficou afastado do grupo, em tratamento no departamento médico, por duas semanas por causa de um rompimento muscular na panturrilha esquerda. Além de garantir presença em campo, Cairo contou sobre a conversa que teve com o grupo durante a semana.

“Conversamos bastante após o jogo de domingo. Passei para todo o grupo que a classificação depende só da gente. Uma simples vitória coloca a gente na fase seguinte. Não podemos abaixar a cabeça agora e temos que honrar todo o trabalho e empenho que a diretoria e a comissão técnica tem feito por nós”, concluiu.

Retorno

O volante Jordã, que está liberado pelo departamento médico, deve ganhar a posição de Victor Hugo contra o Botafogo. Apesar do bom rendimento de Victor Hugo, o técnico Marcelo Henrique dá sinais que por ser um jogo decisivo é hora de contar com jogadores experientes em campo.  Além do fator experiência, Jordã tem respeito em Ribeirão Preto por sua boa passagem pelo Comercial. Fábio Ferreira/A Cidade

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password