Cadastro de doadores de medula óssea termina nesta quarta-feira, na Unifev

Interessados em colaborar com a campanha “Seja um herói, salve vidas” devem procurar o Câmpus Centros da UNIFEV, das 16h às 22 horas

 

Termina nesta quarta-feira a campanha promovida pela UNIFEV, em parceria com o Hemocentro de Fernandópolis, em busca de encontrar um doador de medula óssea compatível com o menino João Pedro, de 6 anos. Embora o quadro clínico dele seja considerado estável no momento, os pais correm contra o tempo para salvar a vida do filho, que tem Leucemia.

A ação, chamada “Seja um herói, salve vidas” é voltada a toda a comunidade de Votuporanga e região. No primeiro dia das inscrições, apenas 50 pessoas se cadastraram no banco nacional de doadores de medula óssea, o Redome. O número é pequeno, considerando a quantidade de habitantes que o município possui, cerca de 90 mil.

Vale lembrar que quem se cadastra no Redome uma vez, não precisa fazê-lo novamente. O procedimento não possui vencimento e tem validade nacional. Na UNIFEV, por exemplo, a maioria dos colaboradores já é doadora de medula óssea, em razão de campanhas anteriores realizadas na Instituição.

Doadores

Os interessados em ser um doador de medula óssea só precisam ter entre 18 e 54 anos, gozar de boa saúde (não ter doença infecciosa ou incapacitante) e apresentar documentos como RG, CPF e o cartão do SUS, no ato da inscrição. Após o preenchimento de uma ficha, os técnicos do hemocentro também fazem a coleta de 10 ml de sangue do candidato, para os exames de compatibilidade.

Além de oferecer a infraestrutura necessária para a campanha, a UNIFEV tem colaborado com a causa por meio de materiais informativos e o apoio de docentes e alunos da área da saúde.

Mais informações pelo telefone: (17) 3405-9999, ramal: 956.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password