Cabo Donizete, o Cadista da Polícia Militar de Votuporanga

“Polícia Militar, cabo Donizete, boa noite, às suas ordens”. Quem já precisou dos serviços do 190 da Polícia Militar de Votuporanga, com certeza já foi atendido pelo cabo Donizete – atendente do CAD (Central de Atendimento e Despacho).

Prestes a gozar de sua merecida aposentadoria a partir do mês de junho, Aparecido Donizete Grande, 25 anos prestados à Polícia Militar, destes, 19 somente no atendimento e despacho das ocorrências policiais via 190.

Exemplo de servidor público e exímio policial militar, cabo Donizete foi entrevistado pela reportagem do votunews.com.br e falou sobre sua carreira militar.

Querido por todos os policiais, desde o comando até policiais temporários, cabo Donizete é considerado uma figura, personagem respeitada pelo seu trabalho no CAD.

Cabo Donizete tem uma grande vantagem no exercício de sua função, a de colher o máximo de informações possível nas ocorrências para agilizar e facilitar os colegas policiais que estão na rua atendendo às solicitações feitas pelo 190.

Dentro da 3ª Companhia da Polícia Militar, cabo Donizete tem abertura com todos os colegas e na sua carreira já foi agraciado com várias láureas de mérito pessoal – a maior valorização profissional concedida pelo Estado.

Cabo Donizete iniciou sua entrevista dando a sua cara: “para mimi, policial militar é faro fino, olho vivo”.

Diz que sua função no CAD é bastante estressante, mas também gloriosa. Atende a população com a mesma educação desde o início de sua carreira. “Esse meu jeito extrovertido de trabalhar é para tirar um pouco do estresse, da correria e da pressão que sofremos no nosso dia-a-dia”, disse.

Nestes 19 anos de atendente do CAD, cabo Donizete ficou conhecido pelo seu jeito de trabalhar e pela criação de seu próprio vocabulário. “Ahhhh, positivo hein, companheiro. Aaaaa, viatura. Anote por aí, anote por aí, ahhh, muito TKS companheiro, muito TKS, atento a toda a rede, senhores patrulheiros, atento toda a rede”, entre outros.

Diz que a Polícia Militar é o braço da população que, para tudo, pede o apoio dos policiais. “somos de tudo um pouco, psicólogo, padre, pastor, de tudo, para ajudar nossa população”. Fatos marcantes em sua carreira, cabo Donizete lembra de um roubo de uma caminhonete ocorrido em Votuporanga, e que, graças a intervenção rápida feita pelo CAD, minutos depois, o veículo foi localizado.

Outro fato que marcou nestes 25 anos de carreira militar, foi o sequestro de um empresário de Votuporanga, que, graças a intervenção rápida dos cadistas e dos policiais militares da época, conseguiram prender os bandidos próximo a Mirassol e localizar a vítima sem ferimentos. “São momentos como estes que marcaram a minha carreira policial”.

Cabo Donizete se aposenta no final do mês de junho, mas fica por esta reportagem uma simples homenagem a este policial militar que tanto fez e continha fazendo em prol da comunidade votuporanguense. 

 

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password