Bombeiros localizam corpo de pedreiro que estava desaparecido

Depois de quase 24 horas de buscas, mergulhadores do Corpo de Bombeiros de Araçatuba localizaram o corpo do pedreiro Ademir Ferraz da Silva, de 58 anos, que se afogou em uma lagoa atrás do Unisalesiano, na rodovia Senador Teotônio Villela, na tarde desta sexta-feira (22).

 

Conforme apurado, o corpo da vítima foi encontrado por volta das 10h15 deste sábado. A perícia foi acionada e o corpo deve ser encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) para exame de necropsia

 

Silva estava pescando no local com dois sobrinhos e um irmão, na tarde de ontem, quando resolveu atravessar a lagoa e se afogou. Equipes de resgate iniciaram as buscas pouco depois das 13h, porém, interromperam os trabalhos por volta das 19h de ontem.

 

DICAS

Segundo a Organização Mundial da Saúde, pelo menos 7 mil pessoas morrem por ano vítimas de afogamento no Brasil, sendo 65% dos casos em águas doces naturais. Conforme os bombeiros, as pessoas devem evitar lagoas, açudes e rios que não tenham a monitoramento de guarda-vidas especializados.

 

Especialistas alertam que pessoas sem treinamento não devem tentar fazer salvamentos sozinhas. O indicado é fornecer objetos que flutuem ou que sirvam como uma corda para a vítima. Até mesmo garrafas pet podem ajudar a evitar um afogamento.

 

Thiago Augusto para o Ata News

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password