Bombeiros de SP ganham mais autonomia em relação à PM

A iniciativa não gera gastos adicionais para os cofres públicos e tem o objetivo de otimizar os investimentos na instituição

O secretário da Segurança Pública, Fernando Grella Vieira, ampliou na última quinta-feira (23) a autonomia do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo em relação à Polícia Militar. A partir de anteontem, a instituição passa a tratar diretamente com a Secretaria da Segurança Pública os temas relacionados ao seu trabalho.

Até então, esses assuntos passavam pelo Comando Geral da Polícia Militar. A corporação já tinha autonomia financeira e logística – como na aquisição e propriedade de veículos. Como determina a Constituição Estadual, o Corpo de Bombeiros continua integrado à Polícia Militar, pois mantém o regulamento disciplinar na corporação, gestão de pessoal, folha de pagamento, etc.

A iniciativa não gera gastos adicionais para os cofres públicos e tem o objetivo de otimizar os investimentos na instituição, além de maior eficiência e qualidade nos serviços prestados à população. A novidade faz parte da resolução SSP – 153/2014, que foi publicada no Diário Oficial do Estado.

A corporação já tinha autonomia financeira e logística, como na aquisição e propriedade de veículos. Como determina a Constituição Federal, o Corpo de Bombeiros vai continuar integrado à Polícia Militar, pois mantém o regulamento disciplinar na corporação, gestão de pessoal, folha de pagamento, etc. A Cidade

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password