Bandido armado invade loja e apavora comerciante

“Agora eu vou te mandar para o além”, repetia criminoso durante o roubo; em choque, vítima entregou aliança de casamento

Uma comerciante de 35 anos de idade passou por momentos de terror na manhã da última segunda-feira (15), ao ser vítima da ação de um criminoso. A vítima estava sozinha na loja, nas primeiras horas da manhã, quando o gatuno entrou no estabelecimento e, por meio de ameaças de morte, fugiu do local levando dinheiro e joias. A polícia procura pelo bandido, que teria lábios grossos, que chamaram a atenção da mulher e de uma testemunha.

O crime aconteceu por volta das 7h40, em um estabelecimento especializado em produtos ortopédicos, na rua Sergipe, bairro Nova Boa Vista, em Votuporanga. Segundo o boletim de ocorrência, o policial militar Scalia acompanhou a comerciante ao Plantão Policial após o crime, onde ela relatou que no início da manhã, logo após abrir a loja, ela se encontrava sozinha quando um homem usando capacete invadiu o local.

O bandido perguntou se ela estava sozinha, e ela respondeu que sim. O assaltante colocou a mão na cintura, indicando que estava armado e disse para a vítima entrar no imóvel, que é uma casa locada para o comércio e ameaçou: “agora eu vou te mandar para o além!”.

A vítima, desesperada, pedia para que o assaltante não fizesse nada. No entanto, ela não tinha nenhuma quantia no caixa da empresa. Ela levou o homem ao depósito, onde entregou a quantia de R$12, mais um anel e a própria aliança de casamento, de ouro. Temendo por sua vida, a comerciante ficou aos fundos do imóvel enquanto o bandido fugiu. Na saída, ele se deparou com o sogro da comerciante, que viu o meliante fugir a pé.

A Polícia Militar foi imediatamente acionada e fez buscas ao assaltante, segundo as características físicas indicadas pela vítima e pela testemunha, trata-se de um homem pardo, baixo (1,62m), aparentando ter 30 anos de idade, magro e com lábios grossos, que chamaram a atenção. Qualquer informação que possa levar à identidade do larápio, pode ser informada à PM, por meio do telefone 190. Jociano Garofolo/A Cidade

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password