Avenida de Rio Preto continua interditada após temporal

Vários estragos e pontos de alagamento foram registrados na cidade. Funcionários da prefeitura limpam as principais avenidas atingidas. 

Um dos locais mais prejudicados por causa da chuva de segunda-feira (2), em São José do Rio Preto (SP), foi a avenida Bady Bassitt. Vários trechos da avenida ainda estão interditados, um deles é perto da rua Honduras, onde o asfalto cedeu. Isso porque o córrego Borá inundou e invadiu a avenida, que praticamente virou rio. Funcionários da prefeitura trabalham na limpeza do terminal urbano, que ficou inundado, e nas principais avenidas atingidas.

Até um caminhão do Corpo de Bombeiros afundou no asfalto. O veículo iria fazer o resgate de pessoas que ficaram ilhadas na avenida, durante o alagamento. O veículo já foi retirado, mas a avenida continua com o trânsito impedido.

De acordo com a Defesa Civil, Rio Preto registrou chuvas que chegaram a 99 mm, o que equivale dizer que choveu 99 litros de água por metro quadrado. Segundo informações do órgão, foram relatadas cinco ocorrências de pessoas ilhadas nos carros na extensão da avenida Bady Bassitt.Um dos veículos só parou de ser arrastado ao bater em uma placa de sinalização. Três pessoas, uma delas um bebê de seis meses de idade, ficaram presas pela água. Elas foram socorridas sem ferimentos. Alguns estabelecimentos também foram invadidos pelas águas da enxurrada.

A Defesa Civil alerta para a interdição total da avenida Bady Bassitt, sentido centro-bairro, no trecho entre as ruas Carmelino Gonçalves Condessa (Hospital da Unimed) e Reverendo Vidal (Posto Tropical) e parciais em outros trechos, onde a rede de captação de aguas da chuva apresentou problemas em decorrência do volume da chuva.

Vários outros pontos da cidade registraram alagamentos, como as avenidas Alberto Andaló, Brasilusa, Clóvis Oger, Juscelino Kubitscheck e Francisco Chagas de Oliveira. O trânsito ficou congestionado. A Policia Rodoviária de Rio Preto registrou cinco acidentes durante o período da chuva forte, que durou cerca de uma hora, na rodovia Washignton Luís.

A assessoria de imprensa da prefeitura informou que equipes fazem mutirão nos principais pontos da cidade para realizar o tapa buracos. Equipes das secretarias de Trânsito e Serviços Gerais, assim como da Constroeste trabalham juntas para tentar amenizar os estragos provocados nas ruas devido à chuva forte.

 

Região

Em Mirassol (SP), uma obra no bairro Tarraff ficou danificada com a força da água. A tubulação não suportou a força e rompeu. Em Tanabi (SP), ruas e avenidas também ficaram completamente alagadas e um muro da Escola Estadual Padre Fidélis caiu. Quem precisou passar pelo trecho teve de esperar ou buscar caminhos alternativos. A Diretoria Regional de Ensino de José Bonifácio esclarece que técnicos do setor de obras da Diretoria foram à Escola Estadual Padre Fidélis para verificar o muro que cedeu. A área será isolada, mas as aulas acontecem normalmente.

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password