Assary rompe negociação para locação parcial do clube no período carnavalesco de Votuporanga

O Assary Clube de Campo informou ao público na tarde desta quinta-feira (15), a decisão de romper a negociação para a locação parcial do clube no período carnavalesco de Votuporanga.

Segue, abaixo, o boletim informativo disponibilizado pelo clube.

INFORME AOS ASSOCIADOS
Após a contestação de diversos associados do Assary Clube de Campo, sobre a possível locação do salão social e sacada, além da quadra coberta, na qual os espaços seriam utilizados por uma empresa de turismo de Campinas, para o carnaval 2017, a diretoria informou através de nota oficial que o fato não mais acontecerá. A empresa teria desistido da locação e explicado em seu site que a desistência ocorreu pela repercussão e a hostilidade de alguns associados nas redes sociais.
A diretoria do Assary informou ainda que se houvesse a locação do espaço nenhuma das regras do clube seriam rompidas, além de que as áreas utilizadas pela empresa não teria nenhum tipo de contato com os ambientes utilizados pelos associados.
Por fim a nota confirma que a não contratação terá como resultado uma importante perda financeira, mas que mesmo assim a diretoria deve continuar na busca por recursos para incrementar os serviços do clube.

NOTA
A diretoria do Assary Clube de Campo, vem através do presente informar que, a pedido das empresas contratantes, foram rompidas as negociações para a cessão parcial das dependências do clube no período carnavalesco.
Em seu site, a empresa locadora destacou que “(…) prevaleceu o achismo e o pré-julgamento dos associados que por sua vez foram hostis com comentários em redes sociais, os quais repudiamos (…)”. O clube endossa a afirmação e reitera conforme informado na reunião do dia 13 próximo passado, nenhuma das regras internas para utilização das dependências do Clube seriam rompidas, como por exemplo a utilização do parque aquático por pessoas sem exame médico e sob forte consumo de álcool. Além disso, previamente havia sido acordado que as dependências a serem utilizadas seriam totalmente separadas das áreas utilizadas pelo associado.
E, ainda conforme também foi informado na reunião, o contrato a ser firmado, estaria à disposição do site do Clube para conhecimento de todos.
Assim, apesar de lamentarmos a desistência e de que o fato representará perda financeira, a diretoria reitera que, continuará a buscar alternativas para poder incrementar a infraestrutura de lazer e entretenimento para o usufruto de todos os associados e de seus convidados.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password