Assaltante morre em troca de tiros com a PM

O pedreiro Miguel Carlos Barbosa, 33, foi morto por um policial militar após suposta troca de tiros ocorrida, por volta das 20 horas, de segunda-feira, 4, em uma área de mata fechada próxima ao bairro Bela Vista III, em Rio Preto.

 

O pedreiro era acusado de participar de um roubo e cárcere privado de uma família neste bairro.

De acordo com o boletim de ocorrência, a polícia foi avisada pelas vítimas do roubo que os três assaltantes fugiram para uma área da mata fechada próxima ao bairro.

 

Os policiais foram para o local e fizeram campana por quatro horas até que dois dos envolvidos saíram do matagal com uma trouxa de lençol com parte dos objetos roubados na casa da família.

Quando a dupla estava a menos de 10 metros dos policiais, a equipe saiu de onde estava escondida e deu voz de prisão aos suspeitos. Um deles revidou aos tiros. Segundo o relato dos policiais, o pedreiro teria disparado dois tiros de um revólver calibre 38 contra os policiais que revidaram com tiros de pistolas ponto 40 e uma carabina CT.30. O pedreiro morreu antes da chegada do socorro.
O outro assaltante, que acompanhava o pedreiro, fugiu sem ser localizado. Foram apreendidos um revólver calibre 38 municiado com quatro cartuchos, uma cartucheira de cano único calibre 28, duas facas de cozinha roubadas na casa e usadas para ameaçar as vítimas, além de uma Tv 42”, um monitor de vídeo, um tablet, quatro aparelhos celulares e R$ 66.

Os objetos foram apreendidos e devolvidos às vítimas. O caso foi registrado como homicídio seguido de intervenção policial e deve ser investigado. A Polícia Civil procura os outros dois suspeitos que também teriam participado da ação. diarioweb.com

Fonte: Colaborou Joseane Teixeira

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password