Aprevo e Papai Noel: presentes para os pacientes

Kits com panetones, chocolates e refrigerantes foram entregues, antecipando assim o Natal.

Quando ele chega na Santa Casa de Votuporanga, sua risada já é bem característica. É o Papai Noel que veio para trazer amor e esperança. O bom velhinho não estava sozinho. Ele e a Associação dos Pacientes Renais de Votuporanga (Aprevo) se unem na missão de fazer um final de ano especial no Hospital.

A turma começou na Unidade de Diálise. A presidente da Aprevo, Hermelinda Marcaci Olivo; Maria Isabel Areliano; a psicóloga Luciana Maranho e o voluntário Sérgio da Silva entregaram kits com panetones, chocolates e refrigerantes, antecipando assim o Natal dos pacientes.

Na presença do Papai Noel, Bruno Mundek fez um pedido. “Muita saúde e paz a todos!”, desejou o morador de Votuporanga. A resposta do bom velhinho veio acompanhada de uma mensagem revigorante: “já deu tudo certo, confia em Deus!”.

E assim foi, em cada um dos leitos. Músicas natalinas, gorros, mais do que isso. O amor e a esperança reinaram na Santa Casa. “Compramos 250 kits para beneficiar pacientes dos três turnos: manhã, tarde e noite. Estas ações me emocionam, porque a cada ano vemos o quanto que eles aguardam estas datas comemorativas”, disse Hermelinda.

Como um bom velhinho, Papai Noel não se limitou na Unidade de Diálise. Com balas, ele percorreu Pronto Socorro, Pediatria, convênios sempre com sorriso no rosto e um abraço caloroso. No corredor do Hospital, Yasmin Gabrieli Spanavella, de 11 anos, corre para o personagem do Natal.

Aquele encontro demorou segundos, que foram capazes de mudar Yasmin. “Achei muito legal, porque ficar em hospital não tem muito o que fazer e é muito bom receber visita”, disse.

Se um abraço pode transformar o dia da paciente, o que será que significa para o Papai Noel? Pela segunda vez, seu Salvador Gripe aceitou o desafio de ser o bom velhinho. No ano passado, essa tarefa extra aconteceu durante sua internação de um procedimento cardíaco. “Estou emocionado. Ser Papai Noel é uma grande responsabilidade e eu como paciente da Unidade de Diálise sei ainda mais como esta ação é do bem e faz bem”, disse.

O provedor da Santa Casa, Luiz Fernando Góes Liévana, ressaltou o comprometimento da Aprevo.  “A Associação fornece ajuda fundamental para assistência aos pacientes da Diálise. Ficamos muitos felizes com essa parceria, que contribui para atendimento humanizado. Em nome de toda a Diretoria, deixo o nosso muito obrigado por todas ações realizadas e que 202 seja ainda mais especial”, finalizou.

0 Comentários

Deixe um Comentário

2 + dezesseis =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password