Após reunião com Prefeito, DER busca novo desvio pela Péricles Bellini

Expectativa é que parte da via seja liberada para desvio de veículos, evitando que este tráfego percorra ruas da cidade como vem ocorrendo.

A reunião do prefeito João Dado com o superintendente do DER (Departamento de Estradas de Rodagem), Ricardo Volpi, na última segunda-feira (19/3), para tratar sobre o conserto da ponte que caiu na Rodovia Péricles Bellini, já vem apresentando resultados. Nesta quinta-feira (22/3), a Prefeitura de Votuporanga acompanhou a equipe do DER no trecho da queda para algumas providências. A expectativa é que parte da própria via seja utilizada para desvio, sem a necessidade de os veículos entrarem nas ruas de Votuporanga.

Para isso, a equipe do DER executou o corte feito por equipamento especializado em local estratégico da estrutura para analisar a estabilidade da construção. O serviço de corte é importante para desmembrar o lado da pista danificado com objetivo de não prejudicar o outro lado da via. Após uma avaliação, a expectativa é que essa parte da via seja liberada para passagem dos veículos enquanto o conserto da ponte é providenciado.

 

“Na próxima semana, outra equipe responsável pela engenharia estrutural visitará o local para confirmar as condições desta parte da via e definir se ela poderá ser utilizada como desvio até a reconstrução da ponte”, explicou o assessor da Secretaria Municipal de Obras da Prefeitura que acompanhou o trabalho, Waldir Petenucci.

 

Visita ao DER

Na última segunda-feira (19/3), o prefeito João Dado se reuniu com o superintendente do DER (Departamento de Estradas de Rodagem), Ricardo Volpi, para tratar sobre a agilidade no conserto da ponte que caiu na Rodovia Péricles Bellini, interrompendo o fluxo de veículos pela via estadual.

 

Na ocasião, o prefeito falou sobre a necessidade da rápida reestruturação da ponte e também discutiu a possibilidade da adoção de uma nova rota dos veículos que, atualmente, têm utilizado vias urbanas causando transtornos aos moradores e pedestres.

 

“Num processo de colaboração com o DER, a Secretaria de Trânsito, Transporte e Segurança fez a sinalização das ruas da cidade como um apoio para o desvio que foi adotado emergencialmente e num processo natural pelos motoristas. No entanto, queremos o apoio do Departamento para indicarmos uma nova rota aos veículos e que causem o mínimo de impacto na zona urbana da cidade”, explica Dado.

 

Naquela circunstância, o superintendente do DER já havia informado ao prefeito que engenheiros fariam essa análise técnica para avaliar a condição de uma das vias da ponte a ser utilizada para o desvio. Paralelo a isso, Volpi afirmou que o DER busca agilizar o conserto da ponte e a retomada do tráfego normal.

 

Queda da ponte

Desde o dia 13 de fevereiro, após o bloqueio das duas pistas causado pela queda da ponte localizada no km 125 da rodovia, os secretários municipais Jorge Seba, de Planejamento, e Jair de Oliveira, de Trânsito, Transporte e Segurança, empenharam inúmeros esforços em reuniões realizadas ao longo do último mês com o órgão do Governo do Estado de São Paulo, para discutir possíveis soluções para o problema. A preocupação da Prefeitura de Votuporanga com o desvio também já foi apresentada pelo prefeito João Dado junto à Secretaria Estadual de Logística e Transportes e contou também com o apoio do Deputado Estadual Carlão Pignatari.

 

Toda sinalização necessária nas vias que compõem o desvio foi devidamente instalada e a Secretaria deslocou agentes de trânsito para fiscalizarem o trecho, com objetivo de inibir possíveis abusos e excessos por parte dos motoristas que passaram a transitar pelo local.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password