Alemanha vence Argélia com gol no primeiro minuto da prorrogação

Ozil ainda aumentou nos acréscimos e Slimani diminuiu, mas Nationalelf se garante nas oitavas mais uma vez

Schurrle furou o bloqueio de M'Bolhi no primeiro minuto da prorrogação | Crédito: Edgard Garrido/REUTERS

Alemanha e Argélia fizeram um jogo movimentado em Porto Alegre, nesta segunda-feira, pelas oitavas de final da Copa do Mundo de 2014. Apesar do 0 x 0 no tempo normal, as duas equipes buscaram o gol durante toda a partida. Mas ele só saiu no comecinho da prorrogação, dos pés de Schurrle, que garantiu a Alemanha em mais uma quartas de final de Copa do Mundo, fato que consegue desde o Mundial de 1986, primeira vez que esta fase com 16 equipes foi disputada. Ozil ainda aumentou no final.

A Argélia aproveitou bem o contra-ataque na primeira etapa, mas parou em Manuel Neuer, que fez as vezes de zagueiro nos momentos em que a Alemanha foi pega mais desprevinida. A Nationalelf só reagiu nos 5 minutos finais, quando conseguiu levar mais perigo ao gol de Rais M’Bolhi. E foi num chute de fora da área de Kroos, que o goleiro argelino espalmou. A bola ainda encontrou Gotze, que chutou para nova defesa de M’Bolhi.

O segundo tempo também começou com pressão dos argelinos, mas foi a Alemanha, novamente, quem levou mais perigo. Aos 9 minutos, Lahm mandou uma bomba que M’Bolhi desviou para escanteio. Nos 10 minutos finais, Muller perdeu duas chances, uma delas em defesa do goleiro. A Argélia se encolheu para segurar o jogo e levar à prorrogação. E conseguiu.

E no primeiro minuto do tempo extra a Alemanha fez o que não conseguiu fazer nos primeiros 90 de jogo. Thomas Muller cruzou bola na área e Schurrle, de calcanhar, finalmente furou o bloqueio de M’Bolhi: 1 x 0. A Argélia até tentou igualar novamente, mas os jogadores não acertaram a pontaria. E ainda deu tempo de Ozil fuzilar para ampliar e garantir a vitória alemã, já nos acréscimos. E Djabou ainda descontou para os africanos. Final: Alemanha 2 x 1 Argélia.

Com o triunfo na prorrogação, a Alemanha encerrou uma marca negativa de nunca ter vencido a Argélia em dois jogos disputados, um deles na Copa do Mundo de 1982. Os africanos haviam saído vencedores nas duas ocasiões.

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Placar

0 Comentários

Deixe um Comentário

10 − seis =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password