Aldo não perde tempo e dá recado a McGregor: “É o bobo da corte”

BRASIL – Antes mesmo de entrar em ação no UFC 179, José Aldo já parecia ter seu rival definido. Afinal de contas, Conor McGregor teve uma ascensão meteórica na categoria dos pesos penas, misturando ótimas atuações com uma língua para lá de afiada fora dos octógonos.

E, depois de ouvir tantas provocações, o brasileiro não perdeu tempo e, minutos depois de manter o cinturão na revanche contra Chad Mendes, devolveu na mesma moeda ao irlandês.

“Eu luto com quem falarem para eu lutar. Mas estava falando com o Dedé (Pederneiras). Agora a corte está completa na categoria. Tem o rei, o príncipe, que é o Chad que já ganhou de todo mundo, e o bobo, que anda falando muito por aí”, disse Aldo.

O irlandês estava nas arquibancadas do Maracanãzinho, mas não reagiu às palavras. A expectativa, inclusive, era de que ele subisse ao octógono para desafiar o brasileiro logo após a luta. O problema é que o UFC melou os planos e agendou uma luta de Conor McGregor contra o alemão Dennis Siver para janeiro.

O presidente do UFC, Dana White, procurou amenizar as provocações e afirmou que o falastrão Conor ainda tem que passar pela luta contra Siver,em Boston, para se credenciar a lutar pelo cinturão da categoria. Mas deixou evidente que caso o irlandês vença, ele deve ser o próximo desafiante do brasileiro.

Primeiro o McGregor já tem uma luta em Boston contra o Siver. Então, ele tem primeiro essa luta para fazer e, se ele vencer, então provavelmente, casaremos a luta com José Aldo. Mas primeiro tem que acontecer essa luta em janeiro e aí ver o que acontece” ponderou Dana.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password