Agência de Votuporanga do INSS entra em greve

Categoria pede reajuste salarial de 27,5%, incorporação de gratificações aos salários e outras melhorias a nível nacional

A agência de Votuporanga do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) resolveu aderir à greve nacional e, desde ontem, paralisou os seus atendimentos na cidade. Estão mantidas somente as perícias médicas já agendadas. De acordo com Eduardo Aparecido Franco, coordenador regional do Sinsprev (Sindicato dos Trabalhadores em Saúde e Previdência no Estado de São Paulo), das 16 agências da região, apenas a de General Salgado está em funcionamento.

A greve nacional dos servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já dura 15 dias. A categoria pede reajuste salarial de 27,5%, que as gratificações atuais sejam incorporadas aos salários, plano de cargos e carreira, e concurso público para contratação de novos funcionários. Também é contra o assédio moral e a terceirização.

A orientação do INSS aos segurados é que as datas de atendimento serão remarcadas pela própria agência. Dúvidas podem ser esclarecidas pela central do telefone 135. Em nota, o INSS informou que considerará a data originalmente agendada como a de entrada do requerimento, “de modo a evitar qualquer prejuízo financeiro nos benefícios dos segurados”.

Em comunicado, o Ministério da Previdência Social informou “que tem baseado a relação com os servidores no respeito, diálogo e na compreensão da importância do papel da categoria no reconhecimento dos direitos da clientela previdenciária e, por isso, mantém as portas abertas às suas entidades representativas para construção de uma solução que contemple o interesse de todos”. Leidiane Sabino/A Cidade

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password