Advogada é executada com 4 tiros em Araçatuba

A advogada Priscilla Soraia Dib, 33 anos, foi assassinada com quatro tiros na madrugada deste sábado (10/11), em Araçatuba.

Ela estava sentada na carroceria da sua caminhonete, uma Hilux preta, no pátio de um posto de combustíveis no cruzamento da rua Marcílio Dias com a avenida João Arruda Brasil, quando foi atingida por disparos efetuados por um homem ainda não identificado.

O homicídio aconteceu por volta da 2h. Segundo o boletim de ocorrência, a advogada estava no posto com um amigo, um cabeleireiro de 30, tomando cerveja. Num determinado momento, o amigo encontrou um conhecido no posto e foi cumprimentá-lo, deixando a vítima sozinha. Em seguida, uma moto ocupada por dois homens estacionou no local e o garupa sacou uma arma e disparou contra Priscilla.
Conforme a polícia, foram encontradas 10 cápsulas no chão, no entanto, apenas quatro teriam acertado Priscilla, três no rosto e um na nádega. Outros três veículos que estavam estacionados no pátio também foram atingidos, mas não houve outros feridos. Os criminosos fugiram e ainda não há pistas do paradeiro deles. O caso está sendo investigado pela DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Araçatuba.
PRISÃO

Em setembro do ano passado, Priscilla foi presa pela Polícia Civil acusada de dar suporte à integrantes do PCC (Primeiro Comando da Capital). Ela respondia processo por formação de quadrilha e por passar informações privilegiadas a membros da facção.

 

folhadaregião

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password