Adolescente descobre câncer e se apoia nos sonhos para vencer a doença

Ana Beatriz tem o sonho de conhecer a Torre Eiffel. A adolescente, de apenas 14 anos, não quer apenas um simples passeio turístico. O desejo mesmo é morar em Paris. O objetivo? Cursar Direito na capital da França. Apesar da pouca idade, e de estar cursando apenas o nono ano na escola estadual Ângelo Scarin, em General Salgado, ela já planeja seu futuro profissional há algum tempo.

Mas, no dia 6 de janeiro deste ano, algo saiu do planejamento. O roteiro teve que sofrer uma mudança devido à descoberta de um câncer no ovário. A rotina teve de ser alterada, e ela passou a conciliar os estudos e a vida comum de uma adolescente, com as viagens para tratamento da doença no

 

 

 

Hospital de Câncer de Barretos. 

Tudo cooperava para que ela desanimasse e desistisse dos seus objetivos. Nada disso! A adolescente conta que, apesar do desgaste ocasionado pelas sessões de quimioterapia, ela mantém seu foco. “Procuro levar uma vida normal. Até porque, isso é apenas uma fase, até o tratamento terminar e eu ficar curada”, diz ela, ressaltando, inclusive, que não deixou de ir a festas e se divertir. “Eu me sinto importante para as outras pessoas quando as faço felizes, por isso independente do tratamento que faço, eu sou a mesma pessoa, com o mesmo ânimo”, reitera.

Ela confessa que o começo do tratamento não foi fácil. “Eu cheguei a pensar em parar de estudar, pois não estava conseguindo acompanhar as aulas e fiquei com medo de não passar de ano. Mas, peguei as provas para fazer em casa e trabalhos para a compensação de faltas, e consegui acompanhar o conteúdo. Nesse processo todo, descobri que sou forte e que conseguia seguir em frente, mesmo lutando contra o câncer”.

Ana Beatriz não está sozinha nessa batalha. Ela conta com uma arma infalível: o amor dos pais, que cuidam, apoiam e dão a proteção que ela necessita neste momento. 

E tem uma pessoa que também se tornou ainda mais importante e que, no momento mais difícil da sua vida, mostrou que a amizade verdadeira é combustível para qualquer ocasião. Vitória! Não poderia existir nome mais inspirador nessa busca incessante para vencer a guerra contra o câncer.

Vitória Magalhães é a melhor amiga de Ana Beatriz. “Ela é um ser humano incrível. Fez com que eu não desistisse. Esteve ao meu lado no momento mais difícil para me estender o braço e me ajudou a levantar. Ela secou minhas lágrimas e graças à dedicação dela, eu não entrei em depressão”, relata, emocionada.

E assim, a adolescente segue confiante. Quando terminar o tratamento, e antes de se mudar para Paris, ela quer dar uma passada no Rio de Janeiro. Desta vez, para turistar mesmo.

“Apesar de todas as dificuldades e obstáculos que a vida coloca em nosso caminho, é preciso entender que Deus só os coloca para nos dar a força necessária para vencer”, finaliza.

César Felipe Costa / Equipe Pô Auriflama

Fotos: Franciele Fantini

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mim Perdeu sua senha?

    Lost Password