Garoto de 15 anos engole cigarro de maconha ao avistar PM

Um caso absurdo foi registrado na noite da última segunda-feira (28), no interior de uma escola estadual, na região central de Votuporanga. Um adolescente de 15 anos de idade engoliu um cigarro de maconha, para tentar fugir da abordagem da equipe da Ronda Escolar da Polícia Militar.

O flagrante ocorreu por volta das 21h37, em uma instituição de ensino localizada na rua Amazonas. Segundo informações do boletim de ocorrência, compareceram ao Plantão Policial os “PMs” cabo Luciano e soldado Garcia, noticiando que durante patrulhamento, depararam-se com o adolescente, que tem a identidade preservada pelo Estatuto da Criança e do Adolescente. O estudante estava no local dos fatos, em frente à escola, fumando um cigarro.

A situação levantou suspeita dos policiais. Em ato contínuo, o menor de idade, evadiu-se a pé para o interior da escola. Enquanto corria, colocou na boca o cigarro que estava fumando e o engoliu. Após abordarem o jovem, os policiais pediram que ele abrisse a boca, sendo então verificado que a língua estava de cor esverdeada, com resquício de substancia aparentando ser maconha, exalando inclusive odor relativo à droga.

Ao ser indagado pelos policiais, o jovem alegou que é dependente químico, que realmente estava fumando um cigarro de maconha e que engoliu o entorpecente para não ser pego pela polícia. Ele afirmou também que adquiriu a droga pela quantia de R$, de uma rapaz desconhecido na Praça da Matriz.

Na delegacia, até o delegado plantonista, Antônio Marques do Nascimento, constatou que havia resquício de maconha sob a língua do adolescente. O menor de idade foi liberado na presença da mãe. (Jociano Garofolo – A Cidade)

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password