Acusados de estupro serão transferidos para Rio Preto

Dois dos três acusados de estuprar uma mulher de 41 anos na última quinta-feira, 19, serão transferidos para uma unidade prisional em São José do Rio Preto. A medida foi tomada para “manter a integridade física dos acusados”, como apregoa a legislação penal.

O pedido de transferência de Paulo Cesar Machado Araújo, 35, Paulo Cesar Ferreira, 35, já foi solicitado ao presídio de Rio Preto. Já o menor R.S de A., 17, ainda não teve seu destino revelado. A intenção da Policial Civil Judiciária é conter o “alvoroço” dos outros presos das cadeias da região em relação ao crime praticado por eles.

De acordo com as informações policiais, tudo começou quando os três, a bordo de um Volkswagen/Gol, abordaram a mulher (que terá a identidade preservada), em uma rua próxima ao Terminal Rodoviário, e com uma faca em seu pescoço, a obrigaram a entrar no carro.

De lá, o grupo a levou para um canavial, onde foi obrigada a manter relações sexuais com os três ao mesmo tempo, sem preservativo, por mais de uma hora. Após a violência o grupo levou a vítima de volta para a cidade e a abandonou próximo ao Jardim Araguaia, periferia da cidade.

Bastante machucada e apavorada, a mulher chamou a polícia que a encaminhou ao Pronto Socorro da Santa Casa e, imediatamente, iniciou as buscas. Momentos depois, eles localizaram o trio no centro da cidade e após serem abordados o menor confessou o crime.

Os três foram detidos e encaminhados ao Plantão Policial, de onde foram encaminhados a um dos centros de detenção da região, mas o “alvoroço” dos outros presos fez com que a transferência dos mesmos fosse solicitada. O menor foi colocado à disposição da Vara da Infância e da Juventude. A pena dos acusados pode chegar a 25 anos.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password