Acidente na linha férrea gera “congestionamento” de trens

Susto e transtorno na manhã deste sábado (8), no distrito da Roseira, em Cosmorama. Um ônibus de trabalhadores rurais ficou travado nos trilhos ao tentar passar pela linha férrea.

 

No desespero, o motorista conseguiu acionar por telefone os órgãos competentes, que pararam o trânsito de trens no trecho. Sete composições tiveram que interromper caminho em terminais da região e esperar cerca de duas horas para a liberação.

 

 

O incidente aconteceu por volta das 5h15. O motorista José Laueci dos Santos Pereira, contou à reportagem do A Cidade que, como é de costume, estava cruzando a linha férrea, para buscar acesso à estrada de terra que liga Roseira a Cosmorama. Ele conduzia um ônibus Volvo, de cores branca e rosa, com placas CQX-2470 de Pontes Gestal.
Quando o ônibus passou sobre a linha férrea, a parte de baixo, provavelmente na região do câmbio, ficou encavalada nos trilhos. As rodas patinaram no chão de lama, e o meio do veículo ficou encostado na malha, impedindo que fosse tanto para frente, quanto para trás.
O motorista, morador de um sítio nas proximidades, sabe que no horário é comum que trens passem pelo local, e ao ver que não conseguiria retirar o veículo sozinho, se desesperou. “Ele patinou e não saiu, pegou no câmbio. Encavalou na malha férrea. Sei que às 5h30 passa trem, daí peguei o telefone e sai ligando pra todo mundo pedindo ajuda”.
José Laueci ligou para o 190 da Polícia Militar. Ciente da situação de risco, a CAD (central de atendimento e despacho de ocorrências) comunicou imediatamente a PM de Cosmorama. Uma viatura foi ao local e conseguiu interceptar um trem próximo à estação ferroviária do município e comunicar o problema.
A empresa responsável pela linha férrea, a ALL (América Latina Logística), também foi comunicada e espalhou o alerta de risco de acidente para todas as composições que iriam passar pelo trecho. Trabalhadores rurais da região e técnicos da empresa foram ao local.
Com uso de troncos de madeira e de uma máquina moto niveladora, após duas horas, o ônibus foi retirado. Ao todo, sete trens, sendo quatro no sentido oeste, e três no sentido leste, formaram fila esperando a liberação. O trânsito foi normalizado por volta das 7h50. Como não houve dano na malha férrea, a PM registrou um boletim de ocorrência de auxílio ao público. O ônibus ficou danificado.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password