7 PRESOS DA OPERAÇÃO DA SANTA CASA DE FERNANDÓPOLIS SÃO SOLTOS PELA JUSTIÇA ℹ️

O Tribunal de Justiça de São Paulo concedeu Habeas Corpus a sete dos presos na Operação Hígia que investiga fraudes na Santa Casa de Fernandópolis. As prisões aconteceram no último dia 17 de fevereiro com prorrogações de temporária a manutenções de prisões preventivas.

Foram beneficiados nesta segunda-feira, o ex-provedor da Santa Casa de Fernandópolis – Fernando Zanqui, o ex-diretor administrativo – Duílio Oliveira, ex-diretor financeiro – Luciano Rodrigues, a ex-diretora do AME de Fernandópolis – Glaucia Basaglia, o ex-assessor jurídico do AME – Maurício Silva, o ex-advogado da Santa Casa de Fernandópolis – Maurício Carneiro, ex-diretor financeiro da OSS Andradina – Inhozinho Pereira (preso na semana passada em Araçatuba), permanecendo apenas o superintendente da OSS – Sebastião Silva.

A ex-diretora do AME de Fernandópolis – Glaucia Basaglia, que cumpria prisão domiciliar, também foi beneficiada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo com os alvarás de soltura já expedidos e encaminhados a Penitenciária de Paulo de Faria, na região de Votuporanga.

Os pedidos de liminar em favor de Fernando Zanqui, Duílio Oliveira, Luciano Rodrigues, Duílio Oliveira e Glaucia Basaglia foram impetrados pelos advogados Ermenegildo Nava e Guilherme Nava.

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mim Perdeu sua senha?

    Lost Password